Arquivo para Adriana Almeida

O Poético Acaso de Carolin Reichert

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 15/05/2011 by Adriana Almeida

A designer gráfica e fotógrafa alemã Carolin Reichert revisita o tema mais clichê e batido da história da humanidade: o pôr do sol. Associado ao romantismo e a uma certa melancolia, quase todos os artistas da humanidade já o fotografaram, pintaram, desenharam e compuseram canções a seu respeito, e ainda assim, é sempre uma visão revigorante e capaz de roubar nosso fôlego, ao ser visto pela primeira ou milionésima vez.

Não obstante, Carolin empresta criatividade e uma certa parcela do inesperado em suas interpretações desse fenômeno corriqueiro e natural, o sol a sumir no horizonte. Através de colagens de diferentes fotos e partes da mesma foto com diferentes tratamentos, o resultado é ligeiramente inusitado, mas evoca as mesmas sensações de completude e contentamento que o seu original – uma obra de arte natural – acrescido de vários simbolismos como a passagem do tempo, a repetição e a certeza irrefutável de que mesmo frente ao caos, o sol surge e se põe todos os dias, invariavelmente.

Portfólio: carolinreichert.com

Portfólio: carolinreichert.com

Anastassia Elias e a Arte em Rolos de Papel Higiênico

Posted in ESCULTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 22/04/2011 by Adriana Almeida

Arte não tem limites. Tudo o que existe no mundo pode se transformar em uma obra de arte, mas às vezes esbarramos em certos materiais que acreditamos que além da lata de lixo e da reciclagem simples, o único destino artístico possível são as aulas de arte no primário… ledo engano.

Anastassia Elias é uma artista francesa especializada em colagens, pintura e ilustração, e que faz o inimaginável com os mundanos rolinhos usados de papel higiênico. Através de intrincados jogos de sombra criados através de colagem de pequenas miniaturas dentro do rolo, cenas do cotidiano, como uma bucólica visita ao jardim zoológico ou um amigável jogo de futebol, ganham vida e uma sensação tridimensional…

Suas peças são feitas em cerca de 3 horas, pouco mais que o tempo de levar nossos (assim achávamos) inúteis rolos vazios de papel higiênico ao centro de reciclagem mais próximo, e são vendidos em seu site por cerca de 100 euros cada… Não só uma regalia aos olhos, como um excelente negócio!

Portfólio: anastassia-elias.com

Portfólio: anastassia-elias.com

A Fé Reinventada de Soasig Chamaillard

Posted in ESCULTURAS, PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 14/04/2011 by Adriana Almeida

Arte e inquietude sempre andam de mãos dadas e Soasig Chamaillard produz peças que soam para uns adoravelmente kitsch, e para outros, incomodamente sacro-profano.

Soasig nasceu na França em 1976. Estudou Belas Artes e trabalhou em ilustração e design produzindo objetos para lojas. Ao notar que seu trabalho satisfazia os outros mas não a si mesma, passou a se afirmar enquanto artista se especializando na produção de objetos únicos: versões pop de imagens religiosas.

Ela trabalha sobre estatuetas da Virgem Maria que compra em lojas especializadas e feiras de velharias e as repagina absorvendo a cultura pop. Trabalhando em cima de um dos principais símbolos da Igreja Católica seu trabalho é ao mesmo tempo um sacrilégio e uma bênção aos olhos dos que vêem. Suas peças, batizadas de “Aparições” funcionam para Soasig como reflexões sobre a espiritualidade nos dias de hoje.

Portfólio: soasig.ultra-book.com

Portfólio: soasig.ultra-book.com

Escavando o Próprio Caminho IV – Eric Gerhard

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 04/04/2011 by Adriana Almeida

Ainda na série de ilustradores buscando o merecido reconhecimento, Eric Gerhard leva o significado de eclético às últimas consequências.  Foi preciso selecionar um numero maior de imagens que os demais da série para tentar cobrir todas as suas facetas e acreditem, o objetivo ficou longe de ser alcançado.

Filho de artista plástica, sua familiaridade com uma das mais tradicionais das artes, a pintura, é impressionante. E embora faça lindas ilustrações, seus painéis chamam a nossa atenção: são grandiosos e extremamente plásticos, e o mais impressionante, feitos nos mais diferentes estilos. De peças decorativas para um quarto infantil à um tributo à Cidade Maravilhosa, poderiam ter sido pintados por uns 5 ou 10 Erics diferentes, e foram feitos por um só…

Portfólio: gerhardarts.blogspot.com

Portfólio: gerhardarts.blogspot.com

A Arte Simbólica e Engajada de Song Benxing

Posted in ESCULTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 02/04/2011 by Adriana Almeida

Song Benxing é chinês e reside na França, e mesmo quando a relação entre esses 2 países não está nos melhores termos, ele é tratado como uma espécie de “queridinho da França”, com diversas exposições por ano, seja individuais, ou como participante em exposições coletivas.

A arte simbólica de Benxing já foi definida “como se Lewis Carroll encontrasse Andy Warhol”. São peças bem humoradas, irônicas, muitas vezes ácidas, incrivelmente pop e simbólicas, mas também são politica e socialmente engajadas. Temas como liberdade de expressão, direitos políticos e sistemas de governo permeiam sua obra, às vezes de forma sutil, outras vezes nem tão sutil assim, como é o caso das cabeças chinesas transformadas em objetos de consumo em um carrinho de supermercado…

Portfólio: songbenxing.com

Portfólio: songbenxing.com

As Emoções Televisivas de Karin Bubaš

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 30/03/2011 by Adriana Almeida

Karin Bubaš é uma fotógrafa canadense. Desde que se graduou no Emily Carr Institute of Art & Design, seu trabalho tem sido exposto dentro e fora do Canadá, em especial em Montreal, Washington e Bruxelas.

Embora seu foco seja a fotografia e possua peças impressionantes nessa área, aqui selecionamos seus trabalhos de ilustração em giz pastel.  Em uma série chamada “With Friends Like These…” (Com amigos como esses…), Ilustrando personagens da série televisiva “The Hills”, Karin se concentra exclusivamente seus rostos, perfeitamente centralizados em papel aveludado. O impressionante nessa série é a perfeição no captar das mais diferentes emoções dos personagens, criando uma sensação imediata de identificação e empatia com os personagens ilustrados. Mesmo sem conhecê-los, é possível perceber aspectos de suas personalidades, como se fossem velhos conhecidos fotografados em seus momentos mais característicos.

Portfólio: karinbubas.ca/

Portfólio: karinbubas.ca/

As Incômodas Esculturas de Simon Schubert

Posted in ESCULTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 20/03/2011 by Adriana Almeida

Simon Schubert é um artista alemão mais conhecido por sua incrível técnica de dobradura em papeis, criando peças incrivelmente complexas em perspectiva, mas suas aspirações artísticas não se encerram por aí.

Com formação em escultura clássica, sua série de esculturas, que bem poderiam ter saído de um filme de terror, são impressionantes, incômodas, e extremamente significativas. Figuras humanas em situações aparentemente corriqueiras, sem frente ou costas, evocando um surreal sensação de continuidade e ambiguidade, causam surpresa, um certo medo e definitivamente, colocam nossa imaginação à trabalhar…

Portfólio: simonschubert.de/

Portfólio: simonschubert.de/