Arquivo para Artes

Graham Caldwell: Entre o Delicado e o Resistente

Posted in ESCULTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 24/05/2011 by Adriana Almeida

 Esculturas são um caso a parte nas artes: por serem 3D,  por mais surreais ou fantasiosas que sejam, estão conectadas com o real e são a imaginação moldada e manipulada de forma palpável. Por isso, a escolha dos materiais usados parece ser ainda mais relevante que em outras manifestações artísticas, pois a sensação da obra está intimamente ligada a sua matéria prima.

Graham Caldwell é um escultor americano que trabalha com o que há de mais delicado e o mais resistente: vidro e aço. O resultado é intrincado, complexo e prende a nossa atenção. Destaque para suas peças com vidro espelhado, onde o reflexo se torna parte da matéria prima e dos significados que a peça evoca.

Portfólio: grahamcaldwell.com

Portfólio: grahamcaldwell.com

Escavando o Próprio Caminho IV – Eric Gerhard

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 04/04/2011 by Adriana Almeida

Ainda na série de ilustradores buscando o merecido reconhecimento, Eric Gerhard leva o significado de eclético às últimas consequências.  Foi preciso selecionar um numero maior de imagens que os demais da série para tentar cobrir todas as suas facetas e acreditem, o objetivo ficou longe de ser alcançado.

Filho de artista plástica, sua familiaridade com uma das mais tradicionais das artes, a pintura, é impressionante. E embora faça lindas ilustrações, seus painéis chamam a nossa atenção: são grandiosos e extremamente plásticos, e o mais impressionante, feitos nos mais diferentes estilos. De peças decorativas para um quarto infantil à um tributo à Cidade Maravilhosa, poderiam ter sido pintados por uns 5 ou 10 Erics diferentes, e foram feitos por um só…

Portfólio: gerhardarts.blogspot.com

Portfólio: gerhardarts.blogspot.com

As expressivas esculturas de Gregor Gaida

Posted in ESCULTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 15/05/2010 by Bronx1985

Polonês de Chorzów, Gregor Gaida é um escultor de múltiplas facetas. Seu trabalho é de essência tão inusitada quanto vanguardista e desperta nos observadores os mais complexos e relativos sentimentos, porém um em específico e inerente à sua obra é a questão da dúvida. Dúvida aos observadores que se dá explicitamente pela criativa junção dos mais variados tipos de objetos terrenos às suas formas,estas tão regulares quanto irregulares, onde o que depende aqui nada mais é do que a direta assimilação pessoal do escultor ao por ele disposto.

O currículo de Gaida é extenso, porém destaco aqui sua formação em Artes pela Bremen University of the Arts (HfK) e pela University of Fine Arts of Hamburg, ambas na Alemanha, Gaida possui suas esculturas em exibições solo por toda a Europa, onde é considerado um artista de tendências inovadoras.

Suas expressivas esculturas são feitas, na sua grande maioria, da junção harmoniosa de materiais como madeira, alumínio e poliéster, além de estarem sempre atreladas a acessórios tão peculiares quanto as mesmas em si, como capacetes de motociclistas, bandeiras negras, acessórios de vestimenta diversos e outros afins.

Perguntado sobre o porquê de uma obra tão expressiva e peculiar, o polonês rebate:

“_ Muitas das minhas obras são feitas de componentes positivamente carregados, que, no entanto, em sua soma e constelação acabam tendo um impacto negativo. A forma estetizada e, muitas vezes, o personagem-objeto das minhas obras são incompatíveis com uma narrativa. A imagem que eu acabo por oscilar entre atração e repulsa.”

Portfólio: gregor-gaida.de

Portfólio: gregor-gaida.de

Livros com Frete Grátis nas compras acima de R$ 39! - Submarino.com.br

“Um Pouco Mais De Língua”, por Julia Randall

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 09/05/2010 by Bronx1985

Poucas palavras encontrei para, de forma fiel, me dirigir ao trabalho desta norte americana nascida em New York, NY. Talvez uma mistura de fenomenal com bizarro seja um bom começo para delinear acerca de algumas características únicas dos desenhos de Julia Randall.

Formada em Artes pela Skowhegan School of Painting and Sculpture e com alguns outros cursos de especializações e bacharelados, Randall destaca-se em seu meio, além da escolha, no mínimo diferente e inusitada, de reprodução de desenhos (línguas e bocas), pelo bem disposto traço que exalta detalhes que mesclam-se as cores super bem apresentadas e em harmonia com a temática do proposto.

Através de um técnica básica de confecção de desenhos utilizando-se tão e somente de lápis de cor, Randall dá forma à duas das mais valiosas ferramentas de comunicação do homem, a boca e a língua, sempre de formas regulares e tendências eróticas, as mesmas aqui inserem-se em um contextualizado cenário sereno e surreal.

Portfólio: baileygallery.com/juliarandall

Portfólio: baileygallery.com/juliarandall

Livros com Frete Grátis nas compras acima de R$ 39! - Submarino.com.br