Arquivo para obra de arte

O Poético Acaso de Carolin Reichert

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 15/05/2011 by Adriana Almeida

A designer gráfica e fotógrafa alemã Carolin Reichert revisita o tema mais clichê e batido da história da humanidade: o pôr do sol. Associado ao romantismo e a uma certa melancolia, quase todos os artistas da humanidade já o fotografaram, pintaram, desenharam e compuseram canções a seu respeito, e ainda assim, é sempre uma visão revigorante e capaz de roubar nosso fôlego, ao ser visto pela primeira ou milionésima vez.

Não obstante, Carolin empresta criatividade e uma certa parcela do inesperado em suas interpretações desse fenômeno corriqueiro e natural, o sol a sumir no horizonte. Através de colagens de diferentes fotos e partes da mesma foto com diferentes tratamentos, o resultado é ligeiramente inusitado, mas evoca as mesmas sensações de completude e contentamento que o seu original – uma obra de arte natural – acrescido de vários simbolismos como a passagem do tempo, a repetição e a certeza irrefutável de que mesmo frente ao caos, o sol surge e se põe todos os dias, invariavelmente.

Portfólio: carolinreichert.com

Portfólio: carolinreichert.com

Anastassia Elias e a Arte em Rolos de Papel Higiênico

Posted in ESCULTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 22/04/2011 by Adriana Almeida

Arte não tem limites. Tudo o que existe no mundo pode se transformar em uma obra de arte, mas às vezes esbarramos em certos materiais que acreditamos que além da lata de lixo e da reciclagem simples, o único destino artístico possível são as aulas de arte no primário… ledo engano.

Anastassia Elias é uma artista francesa especializada em colagens, pintura e ilustração, e que faz o inimaginável com os mundanos rolinhos usados de papel higiênico. Através de intrincados jogos de sombra criados através de colagem de pequenas miniaturas dentro do rolo, cenas do cotidiano, como uma bucólica visita ao jardim zoológico ou um amigável jogo de futebol, ganham vida e uma sensação tridimensional…

Suas peças são feitas em cerca de 3 horas, pouco mais que o tempo de levar nossos (assim achávamos) inúteis rolos vazios de papel higiênico ao centro de reciclagem mais próximo, e são vendidos em seu site por cerca de 100 euros cada… Não só uma regalia aos olhos, como um excelente negócio!

Portfólio: anastassia-elias.com

Portfólio: anastassia-elias.com

A criativa arte em cercas da Demakersvan

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 13/03/2010 by Bronx1985

Ta aí uma coisa que se pensarmos bem parece fácil e óbvia de ser possível de ser feita, porém nunca vimos em lugar algum aqui no Brasil. Pois na Europa isso já é realidade e  está presente nos mais diversos lugares onde uma cerca se faça necessária.

O projeto da arte em cercas é assinado pela casa alemã de designers Demakersvan, famosa pela sua criatividade atrelada à ambiciosos projetos contemporâneos, unindo a funcionalidade de uma cerca com o bem estar que a arte em seus emaranhados de fios de ferro proporciona. Através de uma técnica de redimensionamento da quantidade de metal para confecção dos fios e posterior emaranhado em diversas formas inusitadas (flores, animais, etc), as então antes ordinárias cercas transformam-se em verdadeiras obras de arte totalmente funcionais, viso que ainda preservam a funcionalidade das cercas originais.

Dentre o portfólio da Demakersvan podemos encontrar uma variedade artigos a venda para o dia a dia moderno, que vão desde luminárias para jardins alimentadas por energia proveniente da força dos ventos, até criativíssimos pisos para chão de banheiro que fazem alusão a  famosas obras de arte redesenhadas.

Portfólio: demakersvan.com

Portfólio: demakersvan.com

O Projeto Caverna de Edgar Mueller

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 08/02/2010 by Bronx1985

Sob intitulação original “The Cave Project”, o trabalho do alemão autodidata nascido na cidade de Mülheim em 1968, Edgar Mueller, consiste em basicamente transformar ruas pavimentadas de grandes centros urbanos em verdadeiras obras de arte.

Através de uma minuciosa técnica de pintura em 3D, Mueller literalmente converte o antes desgastado asfalto das ruas em impressionantes cavernas pintadas (daí o nome do projeto), que quando apreciadas destacam-se pela riqueza de detalhes e de cores que chamam a atenção dos moradores e turista que na região se encontram.

Mueller é considerado um dos mais renomados artistas de rua do mundo, foi condecorado com o o título italiano de “Maestro Madonnari” (mestre de pintura de rua) no famosissímoThe Grazie Festival, que desde 1987 é considerado o maior evento dedicado a arte de rua no mundo, prêmio este recebido por pouquíssimos pessoas até hoje. Agora sabemos o porquê!

Portfólio: metanamorph.com

+ um pouco do trabalho de Edgar Mueller.

Portfólio: metanamorph.com

VEJA TAMBÉM: Pinturas Tridimensionais, O Fantástico Mundo de 3D Joe And Max