Arquivo para vermelho

Violência Vermelha, as Marcantes Fotografias de Richard Mosse

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 17/11/2011 by Bronx1985

Inerente ao ser humano e presente em toda a sua história, a violência é produto das relações sociais e marca para dividir opiniões, crenças religiosas e qualquer outra forma de expressão mundana promovida pelo dinheiro e com fins ao mesmo. Dentro deste contexto de guerras e sangue, o fotógrafo inglês Richard Mosse apresenta-nos seu marcante foto ensaio originalmente intitulado “Infra”, com imagens feitas em Kivu do Norte, região da dita Republica Democrática do Congo, continente africano.

Por si só as imagens transparecem a tensão armada que a região vive, de modo que se observa crianças desde cedo sendo alistadas e juntando-se à rebeldes nesta dita guerra social onde crimes como estupros, assassinatos, saques e destruição da casas e propriedades predominam.

Explicitamente manipuladas em Photoshop a fim de realce da cor vermelho, é intenção nítida do fotógrafo inglês o destaque desta cor que representa o sangue daqueles que perderam ou ainda perderão suas vidas nestes confrontos armados. Sentimentos como o de discórdia, injustiça e desrespeito ao ser humano são trazidos a tona através de uma contemplação mais sincera do trabalho fotográfico de Richard Mosse, visto que suas imagens encontram-se em destaque pelas mais distantes galerias espalhadas pela Europa, América do Norte e até mesmo alguns países do Oriente, ainda que este confronto armado não seja assim destaque em mídias televisivas e impressos jornalísticos.

Portfólio: richardmosse.com

Portfólio: richardmosse.com

RGB, Aprofundando-se nas Superfícies por Carnovsky

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 02/12/2010 by Bronx1985

Sobre intitulação original RGB (Red, Green and Blue), a instalação do duo de artistas italianos Francesco Rugi e Silvia Quintanilla, estes mais conhecidos como grupo Carnovsky, resume-se de forma tão complexa quanto contemporânea na criação de superfícies que se transformam e interagem com estímulo cromático diferente.

A técnica utilizada na instalação RGB consiste na sobreposição de três imagens diferentes, cada uma com uma cor primária. As imagens resultantes desta superposição em três níveis são tão inesperadas quanto desorientadoras. A combinação de cores, as linhas e formas se entrelaçam tornando onírica e não completamente claro. Através de um filtro colorido (luz ou um material transparente), é possível ver com clareza das camadas em que a imagem é formada. O filtro de cores permuta entre o vermelho, verde e azul, cada um deles serve para revelar uma das três camadas.

Despertando e aguçando nos contempladores tudo o acima relatado, a instalação da dupla Carnovsky chama a atenção por toda a questão da curiosidade e natural confusão que representa, tudo de modo a desencadear a reflexão do até que o ponto o óbvio torna-se novidade quando misturado e sobreposto em camadas de apresentação.

Portfólio: carnovsky.com

Portfólio: carnovsky.com

Amarelo, Vermelho, Roxo, Azul e Verde, por Linda Lundgren

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 18/06/2010 by Bronx1985

Sueca nascida em Estocolmo, uma das capitais européias do mundo do design e fonte de inspiração para os mais contemporâneos dos artistas. Linda Lundgren é altamente renomada em seu país pela sua arte sempre tão inusitada quanto sua própria técnica de elaboração. Com clientes de peso em seu portfólio como Elle Mat & Vin, Femina, Gourmet, Residence, Wallpaper, Spis Med, SvD, Allt om Mat, Drömhem & Trädgård e Coop, as obras da sueca representam o que há de mais interessante e expressivo em questão de representatividade em Arte.

Amarelo, Vermelho, Roxo, Azul e Verde trata-se de um projeto de Lundgren que consiste basicamente em intenções de expressão por cores através dos mais variados e inesperados tipos de objetos, estes que indiretamente e, até algumas vezes, subliminarmente passam a exercer não tão somente a função de completarem o cenário, mas sim simbolizarem e transmitirem as mais relativas mensagens, informações e sentimentos.

Portfólio: lindalundgren.com

Portfólio: lindalundgren.com

Livros - Submarino.com.br