Arquivo para velho

O Gênio Philippe Halsman, O Maior Fotógrafo do Século XX

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 29/06/2011 by Bronx1985

Aclamado pela crítica como o maior fotógrafo do século XX, Philippe Halsman e suas fotografias traduzem o que há de mais vanguardista e inovador em um tempo onde a criatividade resumia-se a expor o mais do mesmo. Praticamente todas as grandes personalidades nas artes e entretenimento e uma longa lista de líderes mundiais importantes sentaram-se em frente à sua câmera, destaco aqui Pablo Picasso, Judy Garland, Marlon Brando, Winston Churchill, Steinbeck John, John F. Kennedy, Anderson Mariano, John Kenneth Galbraith, Ingrid Bergman, Aldous Huxley e Alfred Hitchcock dentre muitos outros.

Halsman nasceu em Riga, na Letônia, em 1906, e se mudou para Paris em 1932.Em 1936, ele era conhecido como um dos melhores fotógrafos de retrato na França, com capas de livros e revistas, fotografias de moda e demais comissões privadas em seu crédito. No verão de 1940, a carreira de Halsman chegou a um impasse, pois as forças de Hitler (88) invadiram Paris. Sua esposa, filha, irmã e cunhado imigraram para a América (eles eram franceses), mas como um cidadão da Letônia, Halsman foi incapaz de obter um visto. Finalmente, após meses de espera, Albert Einstein, um conhecido de Halsman que já estava nos Estados Unidos, interveio em seu nome. Halsman chegou à Nova York em novembro de 1940 com pouco mais além das suas câmeras para começar de novo, desta vez em sua terra natal adotada.

Mais do que palavras, é fácil identificar o talento para o fotografismo de Philippe Halsman, dadas as suas, no mínimo, marcantes imagens, mas é através de uma observação mais aguda que se identifica a verdadeira essência das fotografias do cara, estas marcadas pela sincera e intima relação que o mesmo mantinha com as suas câmeras, que só Halsman sabia manipular com tamanha peculiaridade e aguçado senso estético do belo.

Wikipédia: wikipedia.org/philippe_halsman

A Complexa Arte de Stephan Balleux

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 21/12/2010 by Adriana Almeida

Cores, texturas, formas e dimensões. Experiências em 3D e mídias alternativas. Uma descrição pouco pensada ou uma olhada pouco atenta ao trabalho de Stephan Balleux, e poderíamos estar falando de um pintor abstrato ou um artista digital. Mas esse não é Stephan. Ele é o encontro entre o figurativo e o abstrato, o tradicional e o contemporâneo, o novo e o velho em um único indistinto pacote.

As cores se misturam em diferentes direções. Parece uma caótica dança do acaso que por pura gestalt calhou de parecer um retrato. Mas está tudo ali intencionalmente em movimento, revelando significados, derramando sensibilidade, envolvendo o clássico em outra roupagem. A mesma técnica, colocada lado a lado com uma imagem figurativa, dão ao suposto movimento caótico das tintas um aspecto quase místico, em uma experiência que nosso plano físico é quase incapaz de compreender, mas que absorve sentimentos e idéias. Stephan Balleux é complexo demais para ser descrito ou rotulado, sendo uma experiência sensorial que chega a cada um, e dependendo da peça em questão, de uma maneira diferente.

Portfólio: stephan-balleux.com

Portfólio: stephan-balleux.com

O cômico fotografismo de Ryan Robinson

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 10/04/2010 by Bronx1985

Americano vindo de uma pacata zona rural de Illinois, EUA, para o mundo, o trabalho de Ryan Robinson destaca-se pelo explícito bom humor empregado às suas fotografias atrelado sempre à sátiras do cotidiano moral humano e/ou tendências modernas de culturas das grandes civilizações.

Fotógrafo com preferências confessas de apelo a extravagantes cores, o trabalho do americano também encontra-se inserido em fortes críticas aos costumes éticos, onde muitas vezes, para os mais sensíveis, suas fotografias podem chegar a ser apelativas e até mesmo degrinidoras, dadas as tendências acima expostas.

Características a parte, uma coisa é certa, o cara tem talento pra fotografar, dadas as nítidas mensagens transpostas e o reconhecimento que o mesmo conseguiu nesse ingrato mundo que é o de fotografia profissional, onde muita gente com talento simplesmente é posta de lado em razão de preferências pessoais de grandes centros de propagação de arte.

Portfólio: ryanrobinson.com

Portfólio: ryanrobinson.com