Arquivo para vandalismo

A Ironia e o Vandalismo Estético dos Grafites de Paul Walker

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 27/02/2011 by Bronx1985

Através de uma técnica mista da composição de stencil e pintura a mão, os grafites do inglês Nick Walker traduzem para o campo do visual o que há de mais curioso, crítico e cômico do grafite. De cores fortes e cenas e representações que chamam a atenção pela peculiaridades do rotina moderna urbana, difícil é não se ver instigado a tecer algum comentário acerca das obras de Walker.

Com um alto teor de ironia empregado aos seus grafites, o inglês é explícito ao revelar que seu objetivo principal com as suas obras é permitir, tanto a ele quanto aos observadores, a possibilidade de escaparmos desta realidade e pensarmos em uma outra em que as diretrizes e regras não são aplicáveis, permitindo à imaginação humana uma maior fluidez e liberdade de movimento.

Portfólio: web.mac/nick_walker

Portfólio: web.mac/nick_walker

Sandalism: Quando a Areia Ganha Vida

Posted in ESCULTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 18/08/2010 by Adriana Almeida

Em Londres, seja na calada da noite ou em eventos mega badalados, uma nova forma de arte, ou melhor dizendo, uma velha forma de arte ganha ares contemporâneos e um novo nome. Os velhos castelos na areia se modernizaram e agora se chamam Sandalism, uma junção de Sand (areia) com vandalismo, mas um “vandalismo” saudável e artístico…

Um belo dia, ao chegarem para trabalhar, operários inglêses encontram seus montes de areia para construção, transformados em verdadeiras obras de arte, sem terem sequer a menor idéia de como elas haviam surgido. As esculturas feitas de areia ganharam a atenção do público e da mídia, se tornaram um movimento artístico e maravilharam operários, transeuntes locais e turistas pelos últimos 2 anos, quando o movimento parece ter começado.

As esculturas são efêmeras, desfeitas pelo vento ou pelo trabalho que recomeça no dia seguinte, mas falam diretamente ao público que passa atribulado por seu cotidiano, e desperta sorrisos de encantamento e admiração no meio de dias cinzas. Zara Gaza, uma das expoentes desse movimento, orgulhosa de provocar sorrisos nos moradores londrinos diz: “Sempre fui interessada em arte de rua e em algo que as pessoas tivessem fácil acesso”.

Portfólio: sandalism.co.uk

Portfólio: sandalism.co.uk

Livros com Frete Grátis nas compras acima de R$ 39! - Submarino.com.br

Delicadeza nas Ruas: a Arte de David Walker

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 12/07/2010 by Adriana Almeida

Até algum tempo atrás, ‘graffiti’ era sinônimo de pichação, vandalismo e sujeira. Mas hoje a rua é palco dos mais talentosos artistas e andar pelas grandes cidades pode nos revelar o inusitado, o delicado, o psicodélico e o ácido do cotidiano visto pelo olhos de ‘artistas da rua’ que armados de uma lata de tinta spray povoam a cidade com o nosso imaginário, invertendo o sentido do reconhecimento: ao invés de ir dos museus e coleções para o mundo, eles vão do mundo para os museus e coleções…

David Walker, residente em Londres, é um desses artistas que escolheu as paredes da cidade como tela. Em seus trabalhos mais atuais, ele vem trabalhando exclusivamente com o jet de tinta, e pintando os mais delicados retratos femininos, envoltos em mistério e sensibilidade. Seus retratos, normalmente monocromáticos ou duo-cromáticos, são decorados com psicodélicas rajadas de cores, acrescentando magia no seu realista e preciso traço, que apesar de ser feito com o spray da tinta, parece ter sido desenhado milimetricamente, tamanha a sua perfeição.

Hoje, membro do Scrawl Colective, David é reconhecido no circuito da arte de rua e é constantemente convidado a participar de exposições, além de reproduzir seu trabalho em mídias mais convencionais,com as quais já trabalhou anteriormente, para fulgurarem nas coleções particulares de apreciadores da arte no mundo todo.

Portfólio: artofdavidwalker.com

Portfólio: artofdavidwalker.com

Livros - Submarino.com.br

O grafite engajado de Banksy

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 13/02/2010 by Bronx1985

Banksy, embora nunca tenha revelado seu rosto, nem tenha divulgado seu nome completo e sempre pratique seus grafites encapuzado, dadas as inúmeras ocorrências policiais de vandalismo ligadas ao seu nome nos registros ingleses (país de sua origem), é considerado um dos mais populares e engajados grafiteiros do mundo.

O trabalho deste inglês destaca-se não pela qualidade dos seus desenhos, embora  ainda sejam dignos de elogios, dada a riqueza de detalhes e bom gosto na escolha de tintas, mas sim pelas nuas e cruas críticas que os mesmos fazem aos mais diferenciados campos de atuação do Estado, de forma direta e de fácil acesso à população considerada as margens da sociedade capitalista.

Homossexualismo junto às forças policiais, cultura de fabricação de guerras para fins lucrativos, exploração do trabalho infantil e os hábitos frívolos das populações ao redor do planeta são alguns dos temas explorados por Banksy e aqui disponíveis para apreciação.

Banksy, imoral como tinha que ser, no lugar certo!

Veja também: O grafite superlativo de Blu

Potfólio: banksy.com.uk

Potfólio: banksy.com.uk

Livros com Frete Grátis nas compras acima de R$ 39! - Submarino.com.br