Arquivo para superfície

O Mundo Macro das Estranhas Esculturas de Rómulo Celdrán

Posted in ESCULTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 17/04/2011 by Bronx1985

Interessantemente esculpidas em grandes proporções a fins de reforçarem suas presenças e nos darem uma nova perspectiva acerca do redescobrimento do espaço e recantos escondidos, este é o contexto de criação e divulgação das obras de arte do espanhol Rómulo Celdrán.

Através de uma técnica básica de reprodução de objetos ordinários do nosso cotidiano, Celdrán se utiliza de materiais simples como plásticos, madeira e tintas diversas para inteligentemente criar réplicas em grande escala dos mais comuns objetos que utilizamos em nossas rotinas, de modo a estes passarem agora a se tornarem objetos artísticos pelas suas superfícies super realistas e suas intenções básicas de nos remeterem a real importância das pequenas coisas em nossas agitadas vidas.

Com correntes exposições em toda a Espanha e Europa, Celdrán e a exposição das suas obras rompem com as barreiras da física e transpõem os limites da lógica, despertando desta forma nos observadores sentimentos como a curiosidade, indagação e perplexidade.

Portfólio: romuloceldran.com

Portfólio: romuloceldran.com

A Vida, Morte e Renovação nas Esculturas de Christina Bothwell

Posted in ESCULTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 29/11/2010 by Bronx1985

Fascinada pelo que assegura-se por debaixo das superfícies, interessada em capturar as qualidades do “não visto” e detentora de uma criatividade tão ímpar quanto bizarra, por assim dizer. Esta é Christina Bothwell, escultora norte americana detentora de diversos prêmios em Arte e com exposições nos mais consagrados espaços destinados à arte contemporânea.

Suas esculturas remetem da forma mais peculiar e intrínseca as questões envoltas da morte, vida e renovação dos seres vivos, tudo em interessante harmonia com a proposta da escultora em associar tais eventos a uma proposta tão estranha quanto bem humorada, se encararmos com olhares mais dispostos as suas obras como um todo.

Através do uso inteligente dos mais diferentes tipos de matérias primas, como madeira, resinas diversas e tintas de pintura, por exemplo, Bothwell cria esculturas tridimensionais que se destacam pelos detalhes e representações tão únicas quanto curiosas, estas que despertam nos observadores sentimentos como a estranheza, curiosidade e, obviamente, admiração e sentido de reflexão sobre a vida.

Portfólio: christinabothwell.com

Veja também: As Simbólicas Esculturas de Christina Bothwell

Portfólio: christinabothwell.com

O Glitter e o Crú nas Fotografias de Elizaveta Porodina

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 03/10/2010 by Bronx1985

Ela é russa, mas hoje trabalha e vive em Munique, Alemanha, com apenas 20 e poucos anos, seu talento, criatividade, olhar artístico  e técnica de manuseio e captação de fotografias é algo somente visto em fotógrafos já experienciados por décadas de convívio com uma maquina fotográfica.

O foto ensaio aqui em exposição (o mais atual de Porodina) é a concepção de algo até então nunca visto no mundo do fotografismo. Através de uma técnica peculiar de captação de imagens sob ângulos predeterminados de modelos com os corpos semi-nús cobertos por glitter, a jovem fotógrafa consegue chamar a atenção dos observadores por todo a representação de texturas e cores que suas fotografias remetem, tudo em interessante harmonia com uma luz introspectiva e de modo a contrastar com as superfícies forradas por glitter. Show!!

Portfólio: flickr.com/elizavetap

Portfólio: flickr.com/elizavetap

Livros - Submarino.com.br

A Grafite Animal de ROA

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 18/07/2010 by Bronx1985

De preferência confessa e muito bem transposta em muros paredes e afins de animais, o grafite singular do artista de rua belga ROA chama a atenção não tão somente pela peculiar técnica empregada nos interessantes traços ou pela meticulosa seleção de cores, mas também pelo contexto em geral e representatividade que os mesmos se encontram expostos.

Com uma técnica básica de pintura tão e unicamente via jet, ROA transpõe para uma superfície qualquer todo o talento intrínseco à sua imaginação e criatividade. Estrategicamente espalhados pelos quatro cantos da Europa, a arte urbana de ROA desencadea nos observadores muito mais do que a simples admiração resultante de um trabalho bem feito, sua arte aborda de forma tão interessante quanto indireta para os menos dispostos toda uma crítica aos sistemas contemporâneos de manutenção da vida humana, suas relações sociais, econômicas, culturais e até mesmo outras levadas mais subliminares e políticas ao mesmo tempo.

Portfólio: flickr.com/roa

Portfólio: flickr.com/roa

Livros - Submarino.com.br