Arquivo para revelando

A Complexa Arte de Stephan Balleux

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 21/12/2010 by Adriana Almeida

Cores, texturas, formas e dimensões. Experiências em 3D e mídias alternativas. Uma descrição pouco pensada ou uma olhada pouco atenta ao trabalho de Stephan Balleux, e poderíamos estar falando de um pintor abstrato ou um artista digital. Mas esse não é Stephan. Ele é o encontro entre o figurativo e o abstrato, o tradicional e o contemporâneo, o novo e o velho em um único indistinto pacote.

As cores se misturam em diferentes direções. Parece uma caótica dança do acaso que por pura gestalt calhou de parecer um retrato. Mas está tudo ali intencionalmente em movimento, revelando significados, derramando sensibilidade, envolvendo o clássico em outra roupagem. A mesma técnica, colocada lado a lado com uma imagem figurativa, dão ao suposto movimento caótico das tintas um aspecto quase místico, em uma experiência que nosso plano físico é quase incapaz de compreender, mas que absorve sentimentos e idéias. Stephan Balleux é complexo demais para ser descrito ou rotulado, sendo uma experiência sensorial que chega a cada um, e dependendo da peça em questão, de uma maneira diferente.

Portfólio: stephan-balleux.com

Portfólio: stephan-balleux.com

O Projeto Étnico de Erik Hiweege

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 10/10/2010 by Adriana Almeida

Por 12 anos, Erik Hiweege trabalhou na área de marketing em agências de propaganda como a  Ogilvy&Mather, BK&P e DMB&B, mas desde 1988 ele decidiu abraçar sua verdadeira paixão, a fotografia, onde foi extremamente bem sucedido, sendo bastante requisitado por clientes de peso e ganhando diversos prêmios Pani e AOP entre vários outros.

As fotos abaixo fazem parte da série pessoal Noir, que deu origem a um livro e um DVD, e são um sensível tributo ao continente africano. Em cada vila visitada, Erik montava um bem equipado estúdio fotográfico e as fotos eram tiradas contra um fundo negro, de forma a enfatizar a riqueza da cultura negra. O resultado é uma amálgama de contrastes sutis de incrível beleza e delicadeza, humanizando e revelando, escondendo e provocando.

Portfólio: hijweege.com

Portfólio: hijweege.com