Arquivo de projeção

Simetria Arquitetônica, as Minimalistas Fotografias de Bernhard Rateike

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 09/09/2013 by Bronx1985

Meticuloso e experiente fotógrafo alemão que é, Bernhard Rateike é também delicado e muito sensível profissional quando o assunto é a captação de imagens estrategicamente concebidas à despertar em nós sentimentos como o da percepção do minimalismo, a curiosidade aguçada e a transposição de mensagens tão indiretas quanto subliminares.

Através de uma peculiar e muito bem empregada técnica de fotografismo sob ângulos meticulosamente ensaiados e com o auxílio de um sempre aparato tecnológico de 1ª linha, o alemão Bernhard Rateike redefine a fotografia minimalista com suas projeções, simples, claras e diretas.

Com um portfólio tão incrível, quanto diferenciado e incrível por assim dizer, não poderia ser diferente o fato de que Bernhard Rateike é um dos mais requisitados fotógrafos comerciais do seu país, visto que o mesmo encontra-se sempre citado em periódicos, revistas e agremiações em Fotografia. Justo!

Portfólio: 58west.de

Bernhard Rateike Photowork

Bernhard Rateike Photowork

Bernhard Rateike Photowork

Bernhard Rateike Photowork

Bernhard Rateike Photowork

Bernhard Rateike Photowork

Bernhard Rateike Photowork

Bernhard Rateike Photowork

Bernhard Rateike Photowork

Bernhard Rateike Photowork

Bernhard Rateike Photowork

Bernhard Rateike Photowork

Portfólio: 58west.de

“Tudo Para Os Ares”, o projeto surrealista da dupla NAM

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 04/07/2010 by Bronx1985

Formado pela dupla de japoneses Takayuki Nakazawa (designer gráfico) e Hiroshi Manaka (fotógrafo), o grupo NAM de artes visuais traduz em estilo e contemporaneidade o que há de mais curioso e ímpar na questão de instalações e reproduções ensaiadas diversas.

Através de uma técnica básica, porém de difícil execução e cabível de repetitivos ensaios, que consiste na disposição de elementos, objetos e modelos em situações e lugares predeterminados, o grupo japonês NAM recria situações até então só possíveis na imaginação dos mais férteis e dispostos, de modo que as mesmas despertam nos observadores uma interessante mistura de impossibilidade alcançada, além dos muitos outros sentimentos vinculados à estética visual.

Com fotografias expostas nos mais diferenciados centros de arte contemporânea, o trabalho de Nakazawa e Manaka sempre foi altamente bem elogiado pela crítica especializada, dada a dificuldade na manipulação das muitas variáveis artísticas existentes nas projeções do grupo.

Portfólio: n-a-m.org

Portfólio: n-a-m.org

Livros - Submarino.com.br

A distinção bizarra do fotografismo de Michel Valentino

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 24/06/2010 by Bronx1985

Educado no início dos anos 90 em edição de imagens digitais, o trabalho fotografista do norte americano (NY) Michel Valentino chama a atenção a até mesmo choca os mais sensíveis para a questão das fortes situações e/ou intenções contidas nos mesmos.

De aspecto dark, tons fúnebres e em alguns casos fetichista e até mesmo sadomasoquista, suas fotografias transpõem a barreira do ordinário, inserindo-se num padrão por vezes apelativo e instigante. Até então tudo em harmonia com um contexto indiretamente relacionado com projeções mórbidas e pertinentes a questões relativamente eróticas.

Mensagens indiretas completam o quadro como um todo proposto por Valentino, que através de muita audácia e criatividade reproduz situações meticulosamente ensaiadas por modelos mais dispostos, dada toda a genialidade intrínseca contida no foto ensaio aqui orgulhosamente em destaque.

Portfólio: michelvalentino.com

Portfólio: michelvalentino.com

Livros - Submarino.com.br

As peculiares fotografias de Noor Iskandar

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 23/04/2010 by Bronx1985

Noor Iskandar um fotógrafo único vindo de  Singapura.  Seu fotografismo projeta a liberdade de desencadear um total absurdo de fazer sentido à vida (loco!).  Ele foca-se constantemente em retratar a singularidade exata da explosão sutil de moléculas instáveis emocionalmente, sempre com o auxílio do photoshop, para enriquecimento e destaque de detalhes nítidos à percepção dos mais sensíveis e objetivados.

De princípios tão coloridos quanto preto e branco, Iskandar distingue-se pelos ângulos inusitados e vertiginosos, disposto a cativar o observador pela projeção animada e única à sua personalidade pessoal. Jovem e dotado de talento, como muitos neste blog,  Iskandar divulga-se em galerias modernas e workshops de novas estratégias de fotografismo pelo mundo.

Facebook: facebook.com/nooriskandar

Facebook: facebook.com/nooriskandar

Livros com Frete Grátis nas compras acima de R$ 39! - Submarino.com.br

A arte projetada em lixo de Tim Noble e Sue Webster

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 16/03/2010 by Bronx1985

Formados no curso de Belas Artes na Nottingham Trent University, na década de 80, Tim Noble e Sue Webster desafiam os mais conservadores no campo das artes visuais quando propõem um trabalho fundamentado originalmente em lixo, literalmente.

Através de uma técnica básica de reunião e aglutinação de lixos encontrados pelas ruas das grandes cidades, seguida de uma luz direcionada sobre a pilha de lixo, obtem-se, como resultado, uma sombra projetada sobre uma parede, sombra essa que remete-nos as mais variadas representações de seres humanos e de animais.

De uma forma tão bem humorada quanto inovadora, Noble e Webster querem nos fazer pensar sobre o problema do lixo urbano nos grandes centros metropolitanos e as consequência do contínuo acúmulo dos mesmos, de forma a trazerem, através das sua sombras projetadas, representações de ratos e de seres humanos em atitudes de deboche e descaso com a situação.

Perguntado sobre como defini-se sua arte, Tim Noble descreveu-a como seu “pior pesadelo”, fazendo direta alusão a questão de até que ponto o homem precisa chegar (trazer lixo das ruas e empilhá-los sobre em galeria de arte) para lembrar o próximo sobre o que estamos fardados a colher como frutos da nossa irresponsabilidade socioambiental de hoje.

Mais sobre o casal: wikipedia.com/tnobleswebster

Mais sobre o casal: wikipedia.com/tnobleswebster

%d blogueiros gostam disto: