Arquivo para preto e branco

Surrealismo Tatuado, as Incríveis Tattoos de Pietro Sedda

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 31/01/2013 by Bronx1985

Parlor italiano com studio em Milão, Pietro Sedda é considerado pelo meio profissional no qual atua um dos mais talentosos e criativos artistas em sua cidade quando o assunto é a pintura corporal definitiva. Suas composições em pele são tão emblemáticas quanto surreais, por assim dizer.

Através de um mix de técnicas diversas de desenho atrelado a um material de excepcional qualidade, Pietro Sedda tatua corpos e neles deixa a sua marca através de desenhos em uma mistura curiosa de cores e preto e branco, traços tradicionais e grafagens experimentais; como resultado, obtém tatuagens incrivelmente únicas e imparmente carregadas de mensagens subliminares e demais representações contemporâneas.

Com um diferenciado portfólio on-line disponível para contemplação, o tatuador italiano também pode ser visto com frequência em exposições, feiras e Workshops de tatuagem espalhados pela Europa, visto que o mesmo é enfático ao dizer que o ato de tatuar é uma constante junção de técnicas que deve sempre ser aperfeiçoadas e atualizadas.

Portfólio: pietrosedda.com

Pietro Sedda Tattoo Artwork

Pietro Sedda Tattoo Artwork

Pietro Sedda Tattoo Artwork

Pietro Sedda Tattoo Artwork

Pietro Sedda Tattoo Artwork

Pietro Sedda Tattoo Artwork

Pietro Sedda Tattoo Artwork

Pietro Sedda Tattoo Artwork

Pietro Sedda Tattoo Artwork

Pietro Sedda Tattoo Artwork

Portfólio: pietrosedda.com

Beleza Dramática e Intimismo nas Fotografias de Thomas Longo

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 28/07/2011 by Bronx1985

De cores frias (por vezes preto e branco), ângulos incertos e discretas mensagens subliminares, as fotografias de Thomas Longo dialogam de forma harmoniosa com o belo e dramático ao mesmo tempo. De modo a despertarem nos observadores sentimentos básicos como o de curiosidade, a arte de Longo vai além e recria ambientes de cunho por vezes fúnebres e angustiantes.

Através de uma técnica tão interessante quanto simples de fotografismo de modelos ensaiados em posições chave, as imagens do fotógrafo se destacam pela essência intimista e introspectiva que as mesmas agregam a si próprias, dados os cenários e paisagens meticulosamente escolhidos de modo a completarem a intenção proposta pelo artista.

Interessado no particular humano, Thomas Longo é o típico fotógrafo com alto valor agregado as suas imagens e portfólio como um geral, sua criatividade e intimidade com uma câmera são nítidos e é difícil se deparar com algum de seus trabalhos que não esteja envolto em bom senso e singularidade estética. As fotos dizem tudo o mais por si próprias.

Portfólio: flickr.com/thomaslongo

 

Portfólio: flickr.com/thomaslongo

Façanhas e Perspicácias, a série Levitação do Fotógrafo Franck Bohbot

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 18/07/2011 by Bronx1985

Sobre intitulação original “Levitation”, as fotografias do francês Franck Bohbot confundem num diálogo entre o possível e imaginável, cativam pela harmonia entre representação e suposição e se destacam pelo mix de preto no branco.

Através de uma complexa técnica de fotografismo de modelos em situações pré-ensaiadas em locais públicos, Bohbot leva aos observadores uma interessante perspectiva de pessoas flutuando sobre a paisagem urbana em que se encontram inseridas, de modo a despertam nos mais curiosos sentimentos como o de perplexidade, dentre outros.

Interessado em arquitetura urbana e geografia cosmopolita, Franck Bohbot, que nasceu em Longjumeau e hoje reside em Paris é tido como um peculiar e talentoso fotógrafo francês, dotado de uma intimidade sem precedentes com uma câmera fotográfica, dada sua capacidade de retratar o social humano contemporâneo de uma forma tão perspicácia quanto alternativa, por assim dizer.

Portfólio: franckbohbot.com

Portfólio: franckbohbot.com

O Gênio Philippe Halsman, O Maior Fotógrafo do Século XX

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 29/06/2011 by Bronx1985

Aclamado pela crítica como o maior fotógrafo do século XX, Philippe Halsman e suas fotografias traduzem o que há de mais vanguardista e inovador em um tempo onde a criatividade resumia-se a expor o mais do mesmo. Praticamente todas as grandes personalidades nas artes e entretenimento e uma longa lista de líderes mundiais importantes sentaram-se em frente à sua câmera, destaco aqui Pablo Picasso, Judy Garland, Marlon Brando, Winston Churchill, Steinbeck John, John F. Kennedy, Anderson Mariano, John Kenneth Galbraith, Ingrid Bergman, Aldous Huxley e Alfred Hitchcock dentre muitos outros.

Halsman nasceu em Riga, na Letônia, em 1906, e se mudou para Paris em 1932.Em 1936, ele era conhecido como um dos melhores fotógrafos de retrato na França, com capas de livros e revistas, fotografias de moda e demais comissões privadas em seu crédito. No verão de 1940, a carreira de Halsman chegou a um impasse, pois as forças de Hitler (88) invadiram Paris. Sua esposa, filha, irmã e cunhado imigraram para a América (eles eram franceses), mas como um cidadão da Letônia, Halsman foi incapaz de obter um visto. Finalmente, após meses de espera, Albert Einstein, um conhecido de Halsman que já estava nos Estados Unidos, interveio em seu nome. Halsman chegou à Nova York em novembro de 1940 com pouco mais além das suas câmeras para começar de novo, desta vez em sua terra natal adotada.

Mais do que palavras, é fácil identificar o talento para o fotografismo de Philippe Halsman, dadas as suas, no mínimo, marcantes imagens, mas é através de uma observação mais aguda que se identifica a verdadeira essência das fotografias do cara, estas marcadas pela sincera e intima relação que o mesmo mantinha com as suas câmeras, que só Halsman sabia manipular com tamanha peculiaridade e aguçado senso estético do belo.

Wikipédia: wikipedia.org/philippe_halsman

Dorothea Lange e a Grande Depressão Americana dos Anos 30

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 29/05/2011 by Bronx1985

Dorothea Lange (Hoboken, 26 de maio de 1895 — 11 de outubro de 1965) foi uma fotógrafa norte americana que ficou famosa pelas suas fotografias em uma época onde a profissão era exercida apenas por homens. Com um olhar tão clínico quanto feminino, suas fotografias representam para a história americana uma época de miséria e segregação humana.

Nos anos 1930, ao serviço da Farm Security Administration (FSA), ela percorreu vinte e dois estados do Sul e Oeste dos Estados Unidos, recolhendo imagens que documentam o impacto da Grande Depressão na vida dos camponeses.

Lange é a autora da fotografia “Mãe Emigrante” (foto abaixo nº 9), de 1936. Trata-se da mais famosa fotografia saída da FSA e uma das mais reproduzidas da história da fotografia, tendo aparecido em mais de dez mil publicações.

As Guerras dos Homens sob as Lentes de Robert Capa

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 16/05/2011 by Bronx1985

Robert Capa, cujo nome verdadeiro era Endre Ernő Friedmann nasceu em Budapeste no dia 22 de Outubro de 1913, sendo encontrado morto em Thai-Binh, Vietnã, em 25 de Maio de 1954, foi um cidadão húngaro e um dos mais célebres fotógrafos de guerra, Capa cobriu os mais importantes conflitos da primeira metade do século XX: a Guerra Civil Espanhola, a Segunda Guerra Sino-Japonesa, a Segunda Guerra Mundial na Europa (em Londres, na Itália, a Batalha da Normandia em Omaha Beach, e a liberação de Paris), no Norte da África, a Guerra árabe-israelense de 1948 e a Primeira Guerra da Indochina.

Suas fotografias, muito mais do simples registros de guerras, tinham a capacidade ímpar de levar aos observadores muito mais do que se destinavam a representar, Capa se tornou famoso pelos sentimentos que suas fotos possuíam, o húngaro possuía um talento sem precedentes para a captura de emoções humanas em tempos de desgraça e mortes infindáveis.

Em Junho de 1944 participa no desembarque da Normandia, o Dia D. Depois da guerra, com David Seymour, Henri Cartier-Bresson e George Rodger, funda a Agência Magnun (constituída oficialmente em 1947). Nos primeiros tempos, ocupa-se na organização da estrutura, partindo em seguida para o “terreno”.

Capa morreu na Guerra da Indochina, em 25 de maio de 1954, ao pisar sobre uma mina terrestre. Seu corpo foi encontrado com as pernas dilaceradas. A câmera permanecia entre suas mãos.

Agência Magnun

Agência Magnun

Rebeldia nos Cartões Postais Colagens de John Stezaker

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 12/02/2011 by Bronx1985

O artista britânico John Stezaker é fascinado pela sedução das imagens. Stezaker faz colagens de imagens antigas para dar um novo significado. A série originalmente intitulada “Stezaker’s Famous Mask” funde os perfil do ser humano ordinário glamuroso com cavernas, vilarejos, ou cachoeiras, tudo isto com fins de fazer imagens de uma beleza tão rebelde quanto estranha.

Através de uma interessante técnica de adaptação, inversão e corte de imagens separadas para criar originais obras de arte, o britânico explora a força subversiva das imagens encontradas de uma forma tão harmoniosa que de fato parece que as imagens sobrepostas umas as outras se completam e, dessa forma esteticamente dizendo, fazem natural companhia umas as outras.

Perfil: wikipedia.org/john_stezaker

Perfil: wikipedia.org/john_stezaker