Arquivo para photos

24 anos da tragédia nuclear em Chernobyl

Posted in VARIEDADES with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 26/04/2010 by Bronx1985

Hoje completam-se 24 anos da tragédia nuclear ocorrida na cidade de Chernobyl.

Chernobyl (em ucraniano Чорнобиль) é uma cidade ao norte da Ucrânia, perto da fronteira com a Bielorrússia. O nome da localidade significa “grama negra”. Em meados da década de 70, foi construída pela União Soviética uma central nuclear a vinte quilômetros da cidade de Chernobyl.

Ironicamente, o acidente se deu durante o teste de um mecanismo de segurança que garantiria a produção de energia em caso de acidentes. A explosão ocorreu quando o sistema era testado em um dos blocos da usina, devido à instabilidade do reator provocada por uma combinação de erros humanos na sua operação e sua construção estar incompleta à época.

No início da madrugada do dia 26, aproveitando um desligamento de rotina, procederam-se à realização de alguns testes para observar o funcionamento do reator a baixa energia. Os técnicos encarregados desses testes não seguiram as normas de segurança e pelo fato do moderador de nêutrons ser à base de grafite (limitado), o reator poderia apresentar instabilidade num curto período de tempo, o que acabou por acontecer.

Explode o reator. As pessoas foram alertadas 30 horas depois do acidente, até então, tudo havia sido mantido em segredo, uma imensa nuvem radioativa se espalhava contaminando pessoas, animais e o meio ambiente de uma vasta extensão da Europa, chegando até mesmo serem identificados níveis de radiação nos Estados Unidos.

Após, uma espécie de “caixão” de betão, aço e chumbo foi construído sobre o reator que explodiu a fim de isolar o material radioativo que ali se concentra. O combustível nuclear chega a 200 toneladas do núcleo do reator e uma espécie de magma radioativo. O acidente fez com que fosse questionado o uso da energia nuclear. Em alguns países reduziram-se e outros quase extinguiram os seus projetos.

Apenas 5 trabalhadores da usina sobreviveram ao acidente, sendo que alguns estão vivos até hoje (data do post!). O acidente de Chernobyl teve 100 vezes mais radiação do que a bomba atômica de Hiroshima no Japão, após a Segunda Guerra Mundial ainda em detrimento aos países do Eixo (SS).

O foto ensaio abaixo apresentado fora clicado em 2010 pelo fotógrafo russo Aleksey Yaroshevsky, afiliado agência RT Photo que mostra-nos uma Chernobyl ainda colhendo os frutos do acidente nuclear; trajes específicos anti radiação foram necessários para a excursão do fotógrafo, à 24 anos toda a região encontra-se abandonada, dados os níveis de radiação que ainda apresentam-se em toda area e que impedirão sua reabitação por um bom tempo.

Mais sobre o assunto em:

wikipédia.org/chernobyl –   brasilescola.com.br/chernobyl

Perfil comercial Aleksey Yaroshevsky

Mais sobre o assunto em:

wikipédia.org/chernobyl –   brasilescola.com.br/chernobyl

Perfil comercial Aleksey Yaroshevsky

Livros com Frete Grátis nas compras acima de R$ 39! - Submarino.com.br

Os 22 mais bizarros objetos encontrados em um raio-X

Posted in VARIEDADES with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 23/03/2010 by Bronx1985

É comum vermos uma criança no hospital sentindo fortes dores no estômago e, depois de tirado o  devido raio-x, constata-se que a mesma engolira uma moeda, um clip, ou qualquer outro objeto que crianças adoram levar à boca, porém o que você verão abaixo é uma coletânea das piores situações já presenciadas pelos médicos e pacientes (não mais crianças a bastante tempo) quando no ato de uma consulta e posterior análise dos seus respectivos exames de raio-x.

Situações tão constrangedoras e, algumas tão doloridas, que dificilmente tenderão a acontecer novamente, pelo menos com as mesmas pessoas, dadas a estupidez, falta de sorte e vergonha passadas!!

Fotos: internet

Fotos: internet

A pintura tridimensional de Alexa Meade

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 21/03/2010 by Bronx1985

Alexa Meade é uma inovadora artista norte americana, seus trabalhos consistem em pinturas de superfícies em alto relevo (3D), como modelos vivos (pessoas) e espaços arquitetônicos (salas de estar, cozinhas, etc).

Por mais estranho e incompreensível que possa parecer, Meade é considerada pelos críticos de arte moderna como um gênio da pintura por ter quebrado todos os paradigmas vigentes da arte, dada a mudança de percepção na forma como vivemos e interpretamos as relações espaciais, alimentando nosso interesse intelectual e as tensões entre a percepção e a realidade experimentada.

Para confecção das suas obras primas, a pintora utiliza-se somente de tinta acrílica, o objeto ou pessoa a ser pintada e muita imaginação, esta última que sobra em Meade, dado o seu trabalho final de excelentíssimo bom gosto, se levarmos em consideração a capacidade que ele possui de, no mínimo, chocar os observadores.

Portfólio: alexameade.com

Portfólio: alexameade.com

A arte obscura das pinturas de Esao Andrews

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 14/03/2010 by Bronx1985

Esao Andrews é americano nascido em Mesa, Arizona, porém cursou Artes em New York e hoje mora no Brooklyn, também em NY. Dono de um talento louvável para pinturas e afins, é peculiar ao estilo de Andrews pinturas com fortes conotações obscuras e subliminares, que remeten-nos à reflexão, dentre muitas outras tangíveis, das relações sociais dos seres humanos e  o modo como encaram suas rotinas.

As pinturas de Esao Andrews originalmente são amplamente difundidas entre os menos conservadores e adeptos de movimentos góticos, dark’s em geral e pessoas propensas ao gosto pelas trevas e escuridão, porém nos dias de hoje, com diversos projetos de desmistificação das artes, as pinturas de Andrews são levadas aos mais diferentes tipos de pessoas, que nelas encontram beleza e talento, provando mais uma vez que a arte é digna de ser apreciada por todos, independentemente de dogmas religiosos, culturas e/ou paradigmas limitantes quaisquer.

Eu, particularmente, não sou gótico e tão pouco tenho propensão às trevas (eu acho!), porém achei as pinturas do americano Andrews tão dotadas de beleza quanto aquelas mais conservadoras, que podemos encontrar em um portfólio de Tarsília do Amaral, por exemplo.

Portfólio: esao.net

Portfólio: esao.net

A criativa arte em cercas da Demakersvan

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 13/03/2010 by Bronx1985

Ta aí uma coisa que se pensarmos bem parece fácil e óbvia de ser possível de ser feita, porém nunca vimos em lugar algum aqui no Brasil. Pois na Europa isso já é realidade e  está presente nos mais diversos lugares onde uma cerca se faça necessária.

O projeto da arte em cercas é assinado pela casa alemã de designers Demakersvan, famosa pela sua criatividade atrelada à ambiciosos projetos contemporâneos, unindo a funcionalidade de uma cerca com o bem estar que a arte em seus emaranhados de fios de ferro proporciona. Através de uma técnica de redimensionamento da quantidade de metal para confecção dos fios e posterior emaranhado em diversas formas inusitadas (flores, animais, etc), as então antes ordinárias cercas transformam-se em verdadeiras obras de arte totalmente funcionais, viso que ainda preservam a funcionalidade das cercas originais.

Dentre o portfólio da Demakersvan podemos encontrar uma variedade artigos a venda para o dia a dia moderno, que vão desde luminárias para jardins alimentadas por energia proveniente da força dos ventos, até criativíssimos pisos para chão de banheiro que fazem alusão a  famosas obras de arte redesenhadas.

Portfólio: demakersvan.com

Portfólio: demakersvan.com

A padaria de corpos de Kittiwat Unarrom

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 11/03/2010 by Bronx1985

Quando vi pela 1ª vez o trabalho do tailandês Kittiwat Unarrom, pensei tratar-se de alguma pegadinha ou brincadeira de mal gosto. Após algumas pesquisas, descobri nele uma verdadeira obra de mestre, tanto em inovadorismo quanto em criatividade.

Kittiwat Unarrom é um jovem padeiro tailandês que, através de uma minuciosa técnica de moldagem e uso de corantes comestíveis, transforma a massa de uma pão comum em uma fiel reprodução de uma parte de corpo humano, parte esta tão delicadamente e detalhadamente reproduzida que chega a assustar e provocar náuseas nos mais despercebidos que entram em sua padaria pensando ser aquele lugar um estabelecimento comum.

 Seus pães possuem as formas e tamanhos em escalas reais aos originais primeiramente feitos à imagem e semelhança, visto que Unarrom afirma nunca ter visto algum exemplo original para então iniciar sua cópia, e que seus pães saem unicamente de moldes criados na sua imaginação.

 Já vi muito tipo de arte, mas admito, algo como o trabalho desse rapaz é tão digno de contemplação quanto de experimentação, dado o fato das suas obras de arte serem comestíveis. E para quem ainda achar que isto é uma pegadinha ou brincadeira de mal gosto, como eu achei no começo, segue abaixo um vídeo comprovando os fatos!

 mais sobre a padaria em: google.com/kittiwatunarrom

  mais sobre a padaria em: google.com/kittiwatunarrom

O projeto “Little People” de Slinkachu

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 10/03/2010 by Bronx1985

Se comparados à um todo maior, com certeza não passamos de um grão de areia em um imenso deserto, esta é a idéia principal do projeto “Little People“, do artista britânico anônimo denominado Slinkachu.

Através de muito bom humor e criatividade, aliados à utilização de bonecos miniatura originalmente utilizados na confecção de maquetes de engenharia e arquitetura, seu trabalho remete-nos a questão do refletir sobre a importância dos nossos atos e todas as conseqüências que os mesmos acarretam em uma escala de proporções e condições.

Foto montagens representando os nossos cotidianos em uma cidade grande moderna e, através de ângulos diferentes, todas as reações em cadeia que as mesmas originam. Muito engraçado e bem feito!!

Portfólio: slinkachu.com

Portfólio: slinkachu.com

Livros com Frete Grátis nas compras acima de R$ 39! - Submarino.com.br