Arquivo para monocromático

A Monocromática Arte de Rua de Cláudio Ethos

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 03/04/2011 by Bronx1985

Surrealista e crítica ao extremo, a arte de rua do paulistano Cláudio Ethos é o que podemos caracterizar como um objeto artístico elevado a sua essência de levar aos observadores a possibilidade de uma reflexão crítica dos seus papéis na sociedade e contextualização das suas atitudes junto às premissas políticas, socioambientais e, por assim dizer, familiares.

Compostas na sua grande maioria por cores sóbrias e difundidas em traços tão peculiares à imaginação e talento de Ethos, suas obras de rua harmonizam de maneira natural com a cidade e seus aspecto tão cinzento quanto urbanizado.

Com exposições recorrentes por São Paulo e Brasil afora, a arte de Cláudio Ethos desde 2007 tem conquistado cada vez mais espaço na comunidade artística européia e norte americana. Aclamado pela crítica como um talento nato para a arte, Ethos hoje e cada vez mais colhe os frutos da sua dedicação e empenho à arte de rua.

Portfólio: claudioethos.com

Portfólio: claudioethos.com

Kimiko Yoshida e a Iconografia Ímpar em seus Auto-Retratos

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 23/01/2011 by Adriana Almeida

Kimiko Yoshida não é a primeira nem será a última artista a se expressar através do auto-retrato. Mas essa artista nascida em Tóquio, Japão, e que desde 1985 reside na Europa, mais precisamente na França, tem seu lugar de destaque entre os que se auto-retratam como forma de arte.

Seu trabalho é único em vários aspectos. A começar pela clara junção da dicotomia oriente/ocidente em cada peça, que expressam uma grande serenidade e uniformidade estética, onde o monocromático e o arroubo na cor convivem em perfeita harmonia. Kimiko usa seu corpo como tela para ícones da história da arte, da moda, da espiritualidade em releituras de outros artistas que impressionam. O figurino, alguns desenhados por ícones como Paco Rabanne (todos dessa seleção), obviamente ajuda na criação de peças que são disputadas e que já foram expostas em incontáveis amostras ao redor do mundo, mas definitivamente não resumem sua obra, que é muito mais complexa e rica do que simplesmente incríveis indumentárias.

Portfólio: kimiko.fr

Portfólio: kimiko.fr

Delicadeza nas Ruas: a Arte de David Walker

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 12/07/2010 by Adriana Almeida

Até algum tempo atrás, ‘graffiti’ era sinônimo de pichação, vandalismo e sujeira. Mas hoje a rua é palco dos mais talentosos artistas e andar pelas grandes cidades pode nos revelar o inusitado, o delicado, o psicodélico e o ácido do cotidiano visto pelo olhos de ‘artistas da rua’ que armados de uma lata de tinta spray povoam a cidade com o nosso imaginário, invertendo o sentido do reconhecimento: ao invés de ir dos museus e coleções para o mundo, eles vão do mundo para os museus e coleções…

David Walker, residente em Londres, é um desses artistas que escolheu as paredes da cidade como tela. Em seus trabalhos mais atuais, ele vem trabalhando exclusivamente com o jet de tinta, e pintando os mais delicados retratos femininos, envoltos em mistério e sensibilidade. Seus retratos, normalmente monocromáticos ou duo-cromáticos, são decorados com psicodélicas rajadas de cores, acrescentando magia no seu realista e preciso traço, que apesar de ser feito com o spray da tinta, parece ter sido desenhado milimetricamente, tamanha a sua perfeição.

Hoje, membro do Scrawl Colective, David é reconhecido no circuito da arte de rua e é constantemente convidado a participar de exposições, além de reproduzir seu trabalho em mídias mais convencionais,com as quais já trabalhou anteriormente, para fulgurarem nas coleções particulares de apreciadores da arte no mundo todo.

Portfólio: artofdavidwalker.com

Portfólio: artofdavidwalker.com

Livros - Submarino.com.br