Arquivo para material

O fotografismo vertiginoso de Caleb Charland

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 27/04/2010 by Bronx1985

Nascido na zona rural do estado de Maine, EUA, Caleb Charland é um criativo fotógrafo dotado de extrema facilidade para manipulação dos mais diferenciados tipos de materiais, dada a sua infância e adolescência marcadas pela sua ajuda à seu pai, um notório reformador de casas. Mais tarde forma-se no renomado Massachusetts College of Art and Design.

Perguntado sobre uma possível motivação para seus trabalhos, o americano é tão enfático quanto misterioso ao responder:

_ Busco inspiração na minha curiosidade científica, sempre atrelada a uma perspectiva de aproximação do surreal! Toda fotografia minha inicia-se pelas perguntas, Isto é possível? Como deve parecer? O que acontecerá se …?

Através de ângulos vertiginosos e cores meticulosamente selecionadas (explícita preferência por preto e branco), Charland é capaz de reproduzir em seu fotografismo as mais surreais e espetaculares representações diversas, capazes de traçar na cabeça dos observadores uma gostosa confusão entre o real, possível e imaginável.

Portfólio: calebcharland.com

Portfólio: calebcharland.com

Livros - Submarino.com.br

As esculturas recicladas de Joe Pogan

Posted in ESCULTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 14/04/2010 by Bronx1985

Joe Pogan é nativo de Oregon, EUA, mas atualmente reside e executa suas esculturas em Aloha, também EUA. Após cumprir quatro anos na Marinha, passou a estudar artes e técnicas de solda de metais, daí foram mais de vinte anos como soldador profissional,  onde dedicou-se a exigente função de soldar peças de alumínio para a confecção de quadros de mountain bikes.

Não contente com a direção que sua vida profissional e pessoal tomava, um dia Pogan teve a brilhante idéia de utilizar a sua combinação única de experiência de solda e seu individual talento artístico para nos últimos anos criar uma incrível variedade de esculturas de animais (pássaros e peixes na grande maioria) através da utilização de metais diversos encontrados em lixos de indústrias, oficinas e casas residênciais.

Como obra final, Pogan cria inusitadas obras primas que, além de fazerem reais críticas ao desperdício e não reciclagem de metais por parte das sociedades, fazem menções diretas à destruição da flora e fauna por parte do crescimento desorganizado do modo de vida capitalista consumista das culturas ocidentais modernas.

Portfólio: joepogan.com

Portfólio: joepogan.com