Arquivo para matéria prima

A Vanguarda da Sustentabilidade, as Incríveis Esculturas com Pneus de Win Delvoye

Posted in ESCULTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 19/09/2011 by Bronx1985

Expressivamente incríveis por representação, inovadoras por essência e construção e ecologicamente corretas por escolha da matéria prima, as magníficas esculturas do belga Win Delvoye são o que podemos considerar de arte para o século XXI.

Interessantemente delineadas em um contexto onde a responsabilidade sócio ambiental se faz cada vez mais tão presente quanto necessária, suas esculturas em pneus usados se destacam do óbvio pela inteligente e muito bem empregada técnica de recorte/talhagem em pneus velhos. Pneus estes que quando velhos e não corretamente manipulados tornam-se um crítico problema para a manutenção da vida verde nos grandes centros metropolitanos atuais.

Destaque não tão somente em seu país natal, mas em todo o mundo, Win Delvoye é um artista de muitas facetas, em seu genial site oficial (outra arte a parte) é possível constatar o talento do belga também para tattoos, desenhos e demais expressões em arte. Sem dúvidas vale a pena conhecer seu portfólio completo!

Portfólio: wimdelvoye.be

Portfólio: wimdelvoye.be

Do Alumínio à Arte, Os Espetaculares Retratos de Idan Friedman

Posted in ESCULTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 16/06/2011 by Bronx1985

De pouco expressão e geralmente utilizados apenas para fins de armazenagem e transporte de alimentos, os recipientes de alumínio estilo marmitex ganham uma nova função nas mãos do artista israelense Idan Friedman. Através de muita criatividade, talento e paciência, Idan X, como gosta de ser chamado, reproduz os mais interessantes e espetaculares retratos de figuras célebres de moedas do mundo.

Através de uma bem empregada técnica de prensagem do alumínio em diferentes pontos e posterior gravura no mesmo, Idan X dá vazão a esculturas que cativam os observadores pelo alto grau de inovação das mesmas, isto em questões de matéria prima utilizada e fidelidade na representação das personalidades então impressas.

Em cada vez mais em destaque em galerias ao redor da Europa, e América do Norte, as esculturas em alumínio do israelense tem conquistado tanto público quanto crítica especializada, abaixo seguem alguns exemplos de obras do cara que sem sombra de dúvidas explicam o porquê.

Portfólio: flickr.com/idanx

Portfólio: flickr.com/idanx

Graham Caldwell: Entre o Delicado e o Resistente

Posted in ESCULTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 24/05/2011 by Adriana Almeida

 Esculturas são um caso a parte nas artes: por serem 3D,  por mais surreais ou fantasiosas que sejam, estão conectadas com o real e são a imaginação moldada e manipulada de forma palpável. Por isso, a escolha dos materiais usados parece ser ainda mais relevante que em outras manifestações artísticas, pois a sensação da obra está intimamente ligada a sua matéria prima.

Graham Caldwell é um escultor americano que trabalha com o que há de mais delicado e o mais resistente: vidro e aço. O resultado é intrincado, complexo e prende a nossa atenção. Destaque para suas peças com vidro espelhado, onde o reflexo se torna parte da matéria prima e dos significados que a peça evoca.

Portfólio: grahamcaldwell.com

Portfólio: grahamcaldwell.com

A Transformação e Paradoxo das Esculturas de Matt Johnson

Posted in ESCULTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 24/10/2010 by Bronx1985

Em caminho oposto ao comum, sério e uniforme, as esculturas do norte americano Matt Johnson seguem explícitas tendências de transformação, humor e estranha, para não dizer bizarra, contemporaneidade.

Esculpidas nos mais diferentes e ímpares matérias primas, que vai desde alimentos, passa pela madeira e termina em metais, os objetos artísticos de Johnson distinguem-se e tornan-se únicos no cenário da estética em arte por propagarem de maneira positiva e direta o quanto as formas e representações podem ser, ao mesmo tempo em um interessante transição, divertidas e sérias.

Portfólio: alisonjacquesgallery.com/MattJohnson

Portfólio: alisonjacquesgallery.com/MattJohnson

Love Is In The Air: A Arte em Vinil de Carlos Aire

Posted in ESCULTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 25/09/2010 by Adriana Almeida

O espanhol Carlos Aires que hoje divide seu tempo entre a Espanha e a Bélgica e é mais conhecido por seu trabalho como fotógrafo, resgata a mídia de um tempo, para alguns remoto, para outros, bem recente, e faz arte com os discos de vinil que foram aposentados pela era do CD.

O projeto foi batizado como “Love is in the air”, em uma referência a um disco de John Paul Young, de 1977, que foi hit, e hoje é quase um ícone da época. Os discos são milimetricamente cortados com laser sob a forma de silhuetas, o que já seria interessante por si só, dada a perfeição do corte e o aspecto divertido do resultado. Mas em adição, as formas escolhidas estão intimamente ligadas ao título ou conteúdo do disco usado como matéria prima, brincando com conceitos e idéias da época vistas sob o prisma dos dias atuais, de uma forma extremamente bem humorada e crítica. O disco “Touch Me”, por exemplo, se vê transformado em um homem musculoso, e assim sucessivamente.

Como um extra no interesse desse trabalho de Carlos, que é conhecido pelo seu gosto por uma polêmica, boa parte das silhuetas foram cortadas segundo um curioso critério: em uma busca no google com as palavras “Pornografia” e “Catástrofe”, ele selecionou fotografias aleatórias que iriam dar forma ao disco de vinil, relacionando-as com o título do álbum. Um complexo trabalho de associação, com uma mensagem subliminar pra lá de controversa.

Portfólio: carlosaires.com

Portfólio: carlosaires.com

Livros com Frete Grátis nas compras acima de R$ 39! - Submarino.com.br

As expressivas esculturas de Gregor Gaida

Posted in ESCULTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 15/05/2010 by Bronx1985

Polonês de Chorzów, Gregor Gaida é um escultor de múltiplas facetas. Seu trabalho é de essência tão inusitada quanto vanguardista e desperta nos observadores os mais complexos e relativos sentimentos, porém um em específico e inerente à sua obra é a questão da dúvida. Dúvida aos observadores que se dá explicitamente pela criativa junção dos mais variados tipos de objetos terrenos às suas formas,estas tão regulares quanto irregulares, onde o que depende aqui nada mais é do que a direta assimilação pessoal do escultor ao por ele disposto.

O currículo de Gaida é extenso, porém destaco aqui sua formação em Artes pela Bremen University of the Arts (HfK) e pela University of Fine Arts of Hamburg, ambas na Alemanha, Gaida possui suas esculturas em exibições solo por toda a Europa, onde é considerado um artista de tendências inovadoras.

Suas expressivas esculturas são feitas, na sua grande maioria, da junção harmoniosa de materiais como madeira, alumínio e poliéster, além de estarem sempre atreladas a acessórios tão peculiares quanto as mesmas em si, como capacetes de motociclistas, bandeiras negras, acessórios de vestimenta diversos e outros afins.

Perguntado sobre o porquê de uma obra tão expressiva e peculiar, o polonês rebate:

“_ Muitas das minhas obras são feitas de componentes positivamente carregados, que, no entanto, em sua soma e constelação acabam tendo um impacto negativo. A forma estetizada e, muitas vezes, o personagem-objeto das minhas obras são incompatíveis com uma narrativa. A imagem que eu acabo por oscilar entre atração e repulsa.”

Portfólio: gregor-gaida.de

Portfólio: gregor-gaida.de

Livros com Frete Grátis nas compras acima de R$ 39! - Submarino.com.br

A essência cult das esculturas de Jessica Joslin

Posted in ESCULTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 08/05/2010 by Bronx1985

Americana natural de Boston, porém hoje residente em Chicago, EUA, Jessica Joslin é perita na arte de manufaturar as mais diferentes e controversas esculturas, dadas as inusitadas matérias primas utilizadas junto as mesmas, como ossos de animais, metais diversos e tintas plásticas. Através de uma técnica singular de união dos materiais acima citados através de solda e/ou cola, Joslin vai dando forma as mais diferentes e criativas representações de animais (criaturas), estes sempre extraídos da sua fértil e produtiva imaginação.

Famosas no cenário artístico cult e sempre em constantes exposições nas galerias modernas de apelo mais alternativo, as esculturas de Joslin são de natureza gótica, embora mesmo assim preservem leves traços serenos, que de alguma forma ou outra nos remetem a delicadeza e sensibilidade das peças, bem como da escultora em si.

Nos raros momentos em que Joslin não se encontra criando suas únicas esculturas, ela pode ser encontrada ocupando-se da fabricação de protótipos de brinquedos para a industria infantil, que, dadas as aparências das suas esculturas, no mínimo também únicos devem ser!!

Portfólio: jessicajoslin.com

Portfólio: jessicajoslin.com

Livros - Submarino.com.br