Arquivo para ilustrador

Anatomia Florida, a Profusão Pop nas Colagens de Ben Giles

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 02/08/2012 by Bronx1985

Inglês de Bury St. Edmunds (UK), o designer gráfico, ilustrador e artista plástico Ben Giles é responsável por colagens para lá de criativas, coloridas, animadas e peculiarmente carregadas de mensagens subliminares, sendo algumas destas até mesmo consideradas imorais se percebidas por olhos mais treinados.

Interessado na pluralidade de informações transmitidas pelas suas coladas composições, a arte do inglês chama a atenção tanto de jovens, crianças e adultos, visto que as mesmas são tão complexas que dificilmente você não encontrará algo novo e inusitado a cada nova contemplação.

Com um interessante e diferenciado portfólio on-line disponível para apreciação, facilmente podemos encontrar o trabalho de Ben Giles espalhado por outros sites e galerias virtuais de arte contemporânea espalhadas pela web, fato que somente contribui para a divulgação da incrível imaginação e talento do inglês.

Portfólio: cargocollective.com/bengiles

Portfólio: cargocollective.com/bengiles

Um Doce Jeito de Ser Estranho, por Roby Dwi Antono

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 25/06/2012 by Bronx1985

O ser humano, belo e mais fiel representante natural de tudo o que existe de estranho, curioso e inusitado no mundo ao mesmo tempo em que amável, interessante e sensível às nuances que a vida e seu meio social possam lhe prover através da inteiração rotineira com as mesmas. Desenvolvido no modo em que a vida que se transforma e muda conforme sua passagem, uns para o bem, outros para o mal, ainda que ambos superficialmente relativos.

É neste bizarro poético contexto que o jovem desenhista indonésio de Ambarawa, Roby Dwi Antono, permeia e desenvolve suas composições através do uso de grafite e muita imaginação, visto que seus desenhos nitidamente são peculiares diálogos e representações entre o homem, animais e demais elementos metafísicos emblemáticos da cultura/ tradição humana.

De traço sutil, cor fraca e carregados de mensagens indiretas (subliminares), fato é que os desenhos de Antono podem sim contemplar o ser humano de modo fiel, visto que é este ser aquele capaz dos maiores momentos de brilhantismo, seguidos de tragédias anunciadas por escolhas mal tomadas.

dedicado à M. Alcantara

Portfólio: lobilob.blogspot.pt

Portfólio: lobilob.blogspot.pt

Escavando o Próprio Caminho I – Alexandre Bar

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 13/02/2011 by Adriana Almeida

Eles têm muita coisa em comum. São brasileiros. São talentosos. São ecléticos. E estão escavando na unha seu caminho para terem sua arte reconhecida e poderem viver do talento que possuem.  Em seus currículos não há exposição em museus famosos. Através do trabalho duro, eles acumulam trabalhos em algumas revistas ou livros, e alguns trabalhos conseguidos no mercado exterior. Nada ainda que os coloque em destaque como desejam e merecem. Mas eles estão lá, batalhando todo dia na prancheta e no photoshop, perseguindo um caminho que aos olhos dos apreciadores de arte, parece fácil, mas é suado como todos os caminhos… Essa série de posts são pagamentos de uma dívida. Ilustradores que conheço e que me impressionam diariamente com seu talento, mas que ainda não possuem reconhecimento condizente com o trabalho que executam. Embora sejam muitos os que se encaixam nesses critérios, irei selecionar apenas alguns, não baseado no talento mas na suas capacidades de se renovarem e se adaptarem para viver de arte, sem perder suas características próprias.

Ilustrar é uma tarefa difícil. É pegar uma idéia alheia e transformá-la em imagem, de forma a respeitar o conteúdo original, mas também superá-lo, colocando um pouco de si no produto final. Diferente do trabalho artístico independente, a partir de idéias pessoais, ilustrar é a arte cooperativa e é uma experiência social. É preciso ser duplamente talentoso, para ser capaz de compreender a arte textual de alguém e transformá-la em iconográfica.

O paulista Alexandre Valença Alves Barbosa, ou Alexandre Bar, é formado em publicidade e propaganda e como “day job” é professor universitário. Mas de fato é Ilustrador, cartunista, chargista e quadrinista. Quem trabalha com ele lhe dá o singelo apelido de Fast & Furious (Rápido e Furioso), já que é impressionante a rapidez com quem finaliza seus trabalhos, sempre no prazo e dentro das especificações, características que valem ouro no mercado da arte comercial. Mas o resultado também é sempre surpreendente, dando vida às palavras e idéias que ilustra com uma invejável clareza e com um traço que é indiscutivelmente, o traço do Bar…

Porftólio: alexandrebarbosa.com e artesdobar.blogspot.com

Porftólio: alexandrebarbosa.com e artesdobar.blogspot.com

A Lado Ímpar do Cinema, Ilustrações de Olly Moss

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 27/01/2011 by Bronx1985

Talvez uma das  ferramentas que melhor servem de utensílio para a divulgação de uma filme em apresentação nos cinemas seja o seu cartaz, este que possuí a intenção primária de transmitir ao possível espectador a essência do filme, além, é claro, de levar aos créditos os nomes do principais artistas e cúpula de direção, edição e demais funções.

Partindo do pressuposto acima relatado, o artista gráfico inglês Olly Moss é expert na arte da releitura destes tão importantes cartazes de filmes de cinema. Em seu portfólio constam ilustrações dos mais variados filmes, tudo em interessante harmonia com a peculiar intenção de Moss em deixar nítido pontos chave dos filmes em questão retratados que, por um motivo qualquer, seus cartazes originais não foram capazes ou não quiserem relatar.

De cores fortes e conotações explícitas, a arte do inglês cada vez mais ganha destaque na mídia e crítica especializada, visto que a grande maioria das suas obras podem ser encomendadas avulsas ou em pacotes. Instruções no próprio portal oficial do artista.

Portfólio: ollymoss.com

Blog: moss.fm

Portfólio: ollymoss.com

Blog: moss.fm