Arquivo para iluminação

Juan Francisco Casas: Na Ponta da Bic

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 08/11/2010 by Adriana Almeida

Juan Francisco Casas é um pintor espanhol que fotografa o mundo em sua forma mais espontânea e divertida e depois o retrata em realismo absoluto no óleo sobre tela com um talento impressionante (e não deixe de conferir essa faceta de seu trabalho em seu portfólio! ). Ou ao menos esse é o artista que ele possivelmente desejava ser e revelar ao mundo. Mas não foi exatamente assim que Juan se tornou famoso. Ele é conhecido por outra técnica, incomum no meio profissional da arte, mas bastante conhecida dos desenhistas amadores de beirada de caderno escolar. Ele finaliza diversos trabalhos baseado em suas divertidas fotografias com caneta Bic, aquela que todo mundo tem uma em casa e já arriscou um arabesco ou dois no canto de um folha em branco.

O resultado é de tirar o fôlego. As divertidas fotos que geram o produto final ajudam a dar interesse ao trabalho de Juan, mas o que realmente chama a atenção é a noção absoluta de profundidade e iluminação, e o extremo realismo obtido não por pinceladas multicoloridas e precisas, coisa que outros artistas, inclusive o próprio Juan, dominam bem, mas pela ponta monocromática de uma caneta esferográfica. A primeira vista, parecem apenas fotografias cujas cores foram retiradas e substituídas pelos conhecidos tons de azul ou preto da tal da caneta, mas acreditem, foram feitas linha a linha, ponto a ponto, detalhe a detalhe na ponta da Bic. É ver para crer.

Porftólio: Juanfranciscocasas.com

Porftólio: Juanfranciscocasas.com

O Mundo Desvelado, por Maciej Koniuszy

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 22/08/2010 by Adriana Almeida

O mundo está la fora para ser desvelado e de certa forma, é trabalho do fotógrafo fazer isso, em uma espécie de debate entre o objeto, quem o fotografa e quem vê a fotografia. É assim que Maciej Koniuszy, um fotógrafo polonês, define sua arte: “Quando eu levo a câmera na minha mão, o que eu desejo é descobrir o que está oculto. Ocultar banalidade, redescobrir vulgaridade. Para transformar, modificar, para surpreender.

Maciej fotografa paisagens urbanas ou naturais, e com uma perspectiva criativa, ele revela significados ocultos nas paisagens corriqueiras, colocando poesia no dia a dia. Apesar de ser extremamente bem sucedido em retratar as cores do mundo, são suas fotografias em P&B que merecem maior destaque. Ricas em contraste e aproveitando a luz natural de forma surpreendente, as fotos de Maciej são composições ricas em conteúdo emocional, mostrando não só como o mundo é, mas como o vemos e como ele deveria ser.

Portfólio: koniuszy.com

Portfólio: koniuszy.com

Livros com Frete Grátis nas compras acima de R$ 39! - Submarino.com.br

A Lente Crítica de Mr. Toledano

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 19/07/2010 by Adriana Almeida

Philip Toledano, um inglês que vive em Nova York, acredita que fotografia seja um espaço privilegiado para levantar dúvidas e questões instaurando no espectador a reflexão, o suspense e o questionamento. Levando sua crença às últimas consequências, Mr Toledano, como é conhecido, faz de suas fotografias palco de uma guerra do imaginário contra si próprio. Retratando em especial a sociedade norte-americana, mas lembrando que ela é espelho da maior parte da cultura ocidental, ele aponta de forma muitas vezes nada sutil os valores que a mobilizam e consequentemente, a constroem e a destroem.

Mr Toledano já foi diretor de arte de propaganda em agências como TBWA/Chiat/Day e Fallon. Seu trabalho tem sido exibido em Nova York, Europa e na Ásia, e aparecido em jornais e revistas como New York Times, Interview, Vanity Fair, Le Monde, The London Times, Details, GQ e Esquire.

Suas fotografias são plásticas, com enquadramentos e iluminação milimetricamente planejados e complementadas por figurinos e acessórios sempre elaborados. O resultado final é sempre ácido e crítico, mas sem perder um ar jocoso e bem humorado. Percorrendo todos os clichês da sociedade americana e tratando de temas complexos como religião, preconceito, consumo e armas, as fotografias de Mr Toledano são sempre convites abertos à reflexão.

Portfólio: mrtoledano.com

Portfólio: mrtoledano.com

Livros com Frete Grátis nas compras acima de R$ 39! - Submarino.com.br

A arte avassaladora de Alberto Seveso

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 09/07/2010 by Adriana Almeida

O italiano (Milão, 1976) Alberto Seveso, se define como ilustrador e artista gráfico e diz logo sobre si mesmo: “Não interessa muito quem eu sou ou de onde eu vim, o mundo não tem fronteiras. Minha ilustração fala por mim (…)” Mesmo se ele não fosse extremamente talentoso, e eu não estivesse me debatendo em angústia sobre quais foto-ilustrações selecionar para esse post, de tão maravilhosas que todas são, com essa frase ele já teria ganho a minha atenção e admiração.

Seu trabalho parece estar em todos os lugares nos mais diferentes países e aplicado aos mais diferentes assuntos e produtos: Runner’s World Magazine, ESPN Magazine, Riders Magazine , propaganda da máquina fotográfica Nikon, Be Magazine, NewScientist Magazine… e não é pra menos. As fotografias base do seu trabalho, por sí só, já prendem sua atenção pelos ângulos, enquadramento, iluminação… E não contente, por cima dessas fotos, o trabalho de Seveso é de tirar o fôlego, revelando o inusitado, a real natureza, o sentido oculto, o mistério guardado! Tatuagens e entranhas, dentro e fora, visível e imaginado.

Eu poderia ficar escrevendo por horas sobre o trabalho de Alberto Seveso, e depois de usar todos os elogios do mundo nos mais diferente idiomas, ainda não lhe faria justiça. Além do mais, Seveso está correto: seu trabalho fala por ele. Deixemos então ele falar…


Portfólio: burdu976.com

Portfólio: burdu976.com

Livros com Frete Grátis nas compras acima de R$ 39! - Submarino.com.br