Arquivo para idéia

Super Autoexposição, as Incríveis Fotografias de Christoffer Relander

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 28/06/2012 by Bronx1985

Homem, de carne, osso e outros milhares de sentimentos, ideias, desejos, medos e frustrações tão únicos quanto ele em sua própria individualidade e existência mundana, por assim dizer. É o ser humano aquele capaz de fazer duas coisas ao mesmo tempo enquanto em outras duas outras distintas está pensando no mesmo exato momento.

É dentro deste contexto tão curioso quanto real subjetivo que o fotógrafo finlandês (de Raseborg) Christoffer Relander pensa, desenvolve, executa e divulga suas fotografias, estas tão claramente quanto inteligentemente manipuladas via Photoshop que, em sinceras palavras, nada mais fazem do que representar todas estas características de ser, viver e se socializar do homem contemporâneo aqui em destaque exposição.

Interessado na pluralidade de seres que um só ser pode ser, fato é que as imagens do finlandês chamam a atenção justamente pelo fato de que de alguma forma representam a todos nós ao mesmo tempo em que ninguém exatamente, visto que não somos mais o que fomos ontem, nem seremos amanhã o que hoje somos.

Portfólio: christofferrelander.com

Portfólio: christofferrelander.com

Fieis Retratos da Vida, as Realistas Tattoos de Mark Powell

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 18/06/2012 by Bronx1985

Australiano residente em Penrith (NSW), o parlor Mark Powell sabe como poucos a importância da cor cinza em uma tattoo basicamente preta. Seus trabalhos facilmente se destacam da maioria pelo incrível detalhadamento alçando pela aplicação do cinza no preto.

Interessado no realismo, Mark Powell é experiente tatuador com mais de 10 anos de estrada em composições aplicadas em clientes das mais diferentes nacionalidades possíveis, visto que o mesmo é enfático ao tratar que, embora sua preferência seja por retratos e caricaturas, topa qualquer que for o desafio para a concretização da mais louca e criativa ideia possível.

Exercendo sua função no respeitado studio Wicked Ink, o australiano facilmente pode ser encontrado em feiras e workshops de tatuagem pelo seu país, este que a tempos passou a chamar a atenção do mundo crítico da tatuagem pelos cada vez mais talentosos tatuadores ali surgidos, o que facilmente podemos dar por verdadeiro se tomarmos como base as incríveis tattoos de Mark Powell

Portfólio: markpowelltattoo.com

Portfólio: markpowelltattoo.com

Vivendo nos Sonhos, as Fotografias Sobrepostas de Liam Hart

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 25/10/2011 by Bronx1985

Inglês jovem de nem vinte e poucos anos de idade, Liam Hart é talentoso para com o manuseio de uma câmera fotográfica e muito furtivo ao tratar-se de manipulação de imagens via Photoshop, seus trabalhos estão aí e refletem seu bom gosto e criatividade ímpar.

Através de uma interessante técnica de captação de imagens e posteriores sobreposições meticulosamente detalhadas das mesmas, Hart apresenta-nos composições ricas em detalhes, de muito bom gosto e capazes de despertar nos observadores peculiares sentimentos surreais acerca de uma reflexão sobre nossos atos, papéis e rotinas na vida.

De cores também estrategicamente sobrepostas, o jovem inglês é enfático ao dizer que no seu trabalho nada é real e os erros encontram-se agregados ao mesmo de forma peculiarmente proposital, visto que sua intenção é a transmissão da mensagem de relativismo e congruência de idéias metafóricas.

Portfólio: flickr.com/ liamhart

Portfólio: flickr.com/ liamhart

Do Clássico ao Bizarro, A Desconstrução Estética de Chad Wys

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 16/04/2011 by Bronx1985

Norte americano nascido e residente em Illinois, EUA, Chad Wys é o típico artista plástico contemporâneo que com sua expressiva arte expõe a estética aos seus limites de experiência e interação. Com um portfólio tão vasto quanto pluralista, Wys dá vazão aos mais confusos e pertinentes sentimentos e reflexões em arte.

Com bases no clássico moderno, o norte americano, através de uma perspicaz técnica de desconstrução do óbvio, vai aos poucos dando nova roupagem a todas as questões estéticas e representativas do proposto. Criando desta forma um inusitado e, por vezes, bizarro olhar crítico nesta que pode ser considerada uma nova vertente em arte contemporânea.

Seguem palavras do próprio artista acerca das suas realizações: “_ Costumo explorar a idéia de objecthood: como nós decoramos nossas vidas como arbitrárias, bem como significativas, as coisas, como objetivamos aqueles que amamos e os estrangeiros que vemos, como objetivamos a dor e a morte; como objetivamos complexos e sensíveis histórias culturais.”

Portfólio: chadwys.com

Portfólio: chadwys.com