Arquivo para emoção

Reflexos da Alma, as Ilustradas e Eróticas Pinturas de Christine Wu

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 29/01/2013 by Bronx1985

Artista norte americana residente em Los Angeles (CA), Christine Wu é sensível pintora contemporânea quando o assunto é a retratação do homem e a afloração crua de seus sentimentos, emoções e tudo mais aquilo necessariamente ligado à sua alma. Suas composições representam de modo sincero e intenso a pluralidade de sentidos que o ser humano é e assim se apresenta para o meio onde coexiste.

Através de uma muito bem trabalhada técnica de pintura multicamadas e posterior sombreamento meticuloso, a pintora norte americana, por uso de uma sempre inteligente e singela conotação erótica, representa o homem nu não tão somente em pele, mas também em alma, visto que suas criações em tela dialogam intimamente com o surreal e subliminar ao mesmo tempo.

Com exposições recorrentes em sua cidade atual, assim como demais Estados Unidos da América, fato é que Christine Wu consegue trazer para os contempladores de sua arte uma nova visão do homem, este que muitas vezes tenta ao máximo camuflar o que sente, agora se perde nu encontrado em suas pinturas.

Portfólio: misschristinewu.com

Christine Wu Paintwork

Christine Wu Paintwork

Christine Wu Paintwork

Christine Wu Paintwork

Christine Wu Paintwork

Christine Wu Paintwork

Christine Wu Paintwork

Christine Wu Paintwork

Christine Wu Paintwork

Christine Wu Paintwork

Portfólio: misschristinewu.com

Cores Penetrantes, a Incrível Técnica de Pintura de Aaron Smith

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 10/10/2012 by Bronx1985

Sentir a emoção, extravazar na representação de sentimentos e reproduzir a história de modo tão colorido quanto “Cult”, assim caracterizo as pitorescas pinturas do artista plástico norte americano Aaron Smith, formado em Artes pela Art Center College of Desing, em Pasadena (CA – EUA).

Através de uma curiosa técnica de pincelagem, esta tão marcante quando determinada, o pintor norte americano compõe retratos de interessante profundidade fosca e peculiar brilho pop, de modo que suas composições passam a dialogar tanto com o clássico, sem perder um impar toque de novidade, quanto com o humor, por assim dizer.

Com inúmeras exposições já realizadas sob sua alcunha por todos os EUA, fato é que as pinturas de Aaron Smith são dignas de reconhecimento por parte da comunidade crítica em Arte, visto que em seu portfólio encontram-se listados importantes prêmios/menções de honra ao mérito artístico, tais como o Artist in Residence, no J. Paul Getty Museum em Los Angeles (CA), a cadeira de Associate Professor/Associate Chair, no Art Center College of Design em Pasadena (CA) e o Artist Lecture (Artist Demonstration Series), no J. Paul Getty Museum em Los Angeles (CA).

Portfólio: aaronsmithart.com

Portfólio: aaronsmithart.com

Profusão de Sentimentos, as Tocantes Pinturas de Rim Lee

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 03/10/2012 by Bronx1985

“Mesmo que nós, como indivíduos únicos, vivamos em um ambiente diferente, em um ponto de tempo nós conseguimos senti o mesmo quando olhamos para um objeto. Quando eu tenho uma conversa com a minha família e amigos, sinto que somos de uma mesma mente. Eu acredito que se admite a diferença e semelhança de cada criatura através da interação com o outro.”

É neste contexto que a artista plástica, fotógrafa e pintora sul coreana Rim Lee divaga, difundi e compõe suas obras, sempre tendo como base a percepção da semelhança humana, ela procura, com suas pinceladas, alcançar a emoção incidental em uma superfície bidimensional de cores, de forma a compor um novo mundo imaginário de sentimentos e emoções humanas.

Com obras espalhadas tanto em seu país de origem quanto América do Norte, fato é que a sul coreana de fato consegue dialogar com uma nova interpretação da realidade sentimental humana, visto que suas pinturas destacam-se em um meio onde o novo é tão relativo quanto o seu conceito de ser o que se trata.

Portfólio: kasiakaygallery.com/rim-lee

Portfólio: kasiakaygallery.com/rim-lee

Os Verdadeiros Heróis Mortos da Vida Real, a Incrível Montagem de Ben Turnbull

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 27/09/2011 by Bronx1985

Numa interessante e muito bem resolvida homenagem póstuma aos bombeiros e policiais que perderam suas vidas nos atentados terroristas de 11/09 às Torres Gêmeas (WTC) em NY, EUA, o artista plástico Ben Turnbull apresenta a exposição Supermen – An Exhibition of Heroes, na renomada galeria londrina Eleven Fine Art.

Através de uma técnica de recorte de super-heróis de gibis e posterior montagem e colagem em esboços de fotografias e outras imagens selecionadas, Turnbull compõe representações dos corajosos e verdadeiros heróis que, mesmo cientes de estar indo de encontro às próprias mortes, adentraram nas Torres Gêmeas a fins de salvarem as vidas das pessoas que ali se encontram.

De grande apelo ao emocional humano, de cores tão estratégicas quanto vivas e surreais menções explícitas às figuras do policial e bombeiro norte americano, Ben Turnbull celebra a ascensão da coragem humana que existe fora das páginas dos gibis e que até hoje desperta a comoção dos sobreviventes e testemunhas do maior atentado terrorista da história do homem contemporâneo.

Centro de Exposições Eleven: elevenfineart.com

Centro de Exposições Eleven: elevenfineart.com

As Guerras dos Homens sob as Lentes de Robert Capa

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 16/05/2011 by Bronx1985

Robert Capa, cujo nome verdadeiro era Endre Ernő Friedmann nasceu em Budapeste no dia 22 de Outubro de 1913, sendo encontrado morto em Thai-Binh, Vietnã, em 25 de Maio de 1954, foi um cidadão húngaro e um dos mais célebres fotógrafos de guerra, Capa cobriu os mais importantes conflitos da primeira metade do século XX: a Guerra Civil Espanhola, a Segunda Guerra Sino-Japonesa, a Segunda Guerra Mundial na Europa (em Londres, na Itália, a Batalha da Normandia em Omaha Beach, e a liberação de Paris), no Norte da África, a Guerra árabe-israelense de 1948 e a Primeira Guerra da Indochina.

Suas fotografias, muito mais do simples registros de guerras, tinham a capacidade ímpar de levar aos observadores muito mais do que se destinavam a representar, Capa se tornou famoso pelos sentimentos que suas fotos possuíam, o húngaro possuía um talento sem precedentes para a captura de emoções humanas em tempos de desgraça e mortes infindáveis.

Em Junho de 1944 participa no desembarque da Normandia, o Dia D. Depois da guerra, com David Seymour, Henri Cartier-Bresson e George Rodger, funda a Agência Magnun (constituída oficialmente em 1947). Nos primeiros tempos, ocupa-se na organização da estrutura, partindo em seguida para o “terreno”.

Capa morreu na Guerra da Indochina, em 25 de maio de 1954, ao pisar sobre uma mina terrestre. Seu corpo foi encontrado com as pernas dilaceradas. A câmera permanecia entre suas mãos.

Agência Magnun

Agência Magnun

Corte e Colagem por Damien Blottière

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 31/01/2011 by Adriana Almeida

O francês Damien Blottière é definido muito mais como diretor e artista visual do que como fotógrafo. O motivo fica claro em seu trabalho para a edição de dezembro/2010 da revista digital Dazed & Confused. Nesse editorial para a Calvin Klein, suas fotos viraram alvo de corte e colagem, numa montagem espetacular que reflete o minimalismo e a complexidade do cliente em questão.

Sobre este trabalho, o autor fala: “O trabalho em colagem é como a pintura, mas com tesoura e cortador. Cortei as linhas e construi formas e rostos em papel (…) a partir da emoção que você tem enquanto fotografa um modelo procurando pelo que está abaixo da superfície. Você tem que atingir a pele para encontrar a sensibilidade“. E Damien acerta em cheio na sensibilidade!

Portfólio: artlistparis.com

Portfólio: artlistparis.com

Byroglyphics: Caos e Movimento por Russ Mills

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 13/09/2010 by Adriana Almeida

Russ Mills é um artista inglês formado em Artes Gráficas e Design. Durante algum tempo ele trabalhou como freelancer, e hoje vive das vendas de sua arte em galerias e amostras, tendo seu trabalho, ou versões impressas dele, sido vendido no mundo inteiro.

Russ chama seu portfólio, e por extensão seu trabalho, de Byroglyphics: uma estranha combinação de letras que me lembram hieróglifos, os caracteres da escrita egípcia que possuíam forma de figuras, ou seja, desenhos que contam uma história, literalmente. Da mesma forma, Russ cria uma linguagem própria com seus mistos de ilustração e arte digital (simulando pintura), em um estilo bem característico, cheio de movimento e explosões de caos em um traço fino que lembra, mas supera, o rascunho despretensioso que antecede à obra.

Tudo começa com rascunhos feitos com caneta Bic fina, que Russ prefere usar por serem mais baratas, mais resistentes e, pare ele, tão eficientes quanto outros recursos bem mais caros. Depois a obra é transferida para o Macintosh e trabalhada no photoshop onde ganha um efeito de pintura sem sê-lo. trabalhando em especial com retratos, muitas vezes em close-up, o estático ganha vida em manchas de tinta milimetricamente calculadas ou caoticamente arranjadas e nos contam uma história, levantam uma angústia e imprimem uma emoção.

Portfólio: byroglyphics.com

Portfólio: byroglyphics.com

Livros com Frete Grátis nas compras acima de R$ 39! - Submarino.com.br