Arquivo para clássico

Tangendo os Limites da Pintura Corporal, a Incrível Arte de Huang Yan

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 06/02/2012 by Bronx1985

Pinturas de paisagens sempre foram a quintessência da arte chinesa,no entanto, o artista, também chinês, Huang Yan é um divisor de águas deste patrimônio sino-oriental, dando a pintura básica como sempre tida uma nova direção transpondo-a para o corpo humano, o corpo humano (dado este tipo de aplicação), que foi muito raramente utilizado na cultura antiga da pintura, mas que tem desempenhado um papel muito importante no desenvolvimento da arte contemporânea na China desde o final da década de 1970.

Em 1999, quando Huang Yan começou sua série de pinturas de fotografias cenográficas intituladas por “Paisagens Chinesas” – paisagens pintadas na pele de um corpo humano – seu trabalho foi notado quase que imediatamente pelos respeitadíssimos curadores chineses, Feng Boyi e Weiwei Ai, que juntos selecionaram várias composições para suas exposições centrais em Xangai, no ano de 2000.Pouquíssimos artistas, expressando o encontro entre a cultura tradicional chinesa e do mundo contemporâneo, conseguiram capturar simultaneamente a fusão e o paradoxo que este encontro gera e que é exposto de maneira tão plena, quanto sincera e harmoniosa como Huang Yan consegue.

Com um talento nato para a pintura e a sensibilidade de poucos para a forma com a qual sua arte é exposta, o chinês é sem dúvida um destes artistas que conseguem captar as tendências e comoções do novo, além de sempre manter bases no clássico pertinente a cultura de seu povo, simplesmente show!

Portfólio: artnet.com/huangyan

Portfólio: artnet.com/huangyan

Do Clássico ao Bizarro, A Desconstrução Estética de Chad Wys

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 16/04/2011 by Bronx1985

Norte americano nascido e residente em Illinois, EUA, Chad Wys é o típico artista plástico contemporâneo que com sua expressiva arte expõe a estética aos seus limites de experiência e interação. Com um portfólio tão vasto quanto pluralista, Wys dá vazão aos mais confusos e pertinentes sentimentos e reflexões em arte.

Com bases no clássico moderno, o norte americano, através de uma perspicaz técnica de desconstrução do óbvio, vai aos poucos dando nova roupagem a todas as questões estéticas e representativas do proposto. Criando desta forma um inusitado e, por vezes, bizarro olhar crítico nesta que pode ser considerada uma nova vertente em arte contemporânea.

Seguem palavras do próprio artista acerca das suas realizações: “_ Costumo explorar a idéia de objecthood: como nós decoramos nossas vidas como arbitrárias, bem como significativas, as coisas, como objetivamos aqueles que amamos e os estrangeiros que vemos, como objetivamos a dor e a morte; como objetivamos complexos e sensíveis histórias culturais.”

Portfólio: chadwys.com

Portfólio: chadwys.com

A Complexa Arte de Stephan Balleux

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 21/12/2010 by Adriana Almeida

Cores, texturas, formas e dimensões. Experiências em 3D e mídias alternativas. Uma descrição pouco pensada ou uma olhada pouco atenta ao trabalho de Stephan Balleux, e poderíamos estar falando de um pintor abstrato ou um artista digital. Mas esse não é Stephan. Ele é o encontro entre o figurativo e o abstrato, o tradicional e o contemporâneo, o novo e o velho em um único indistinto pacote.

As cores se misturam em diferentes direções. Parece uma caótica dança do acaso que por pura gestalt calhou de parecer um retrato. Mas está tudo ali intencionalmente em movimento, revelando significados, derramando sensibilidade, envolvendo o clássico em outra roupagem. A mesma técnica, colocada lado a lado com uma imagem figurativa, dão ao suposto movimento caótico das tintas um aspecto quase místico, em uma experiência que nosso plano físico é quase incapaz de compreender, mas que absorve sentimentos e idéias. Stephan Balleux é complexo demais para ser descrito ou rotulado, sendo uma experiência sensorial que chega a cada um, e dependendo da peça em questão, de uma maneira diferente.

Portfólio: stephan-balleux.com

Portfólio: stephan-balleux.com

Lápis e Aquarela: o Pop-Mágico de Esra Røise

Posted in PINTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 14/08/2010 by Adriana Almeida

Esra Røise é uma jovem ilustradora freelancer norueguesa que vive e trabalha em Oslo e é dona de um estilo bastante peculiar. Combinando lápis e pincel (aquarela), e eventuais fragmentos de fotografia, ela traz o inesperado e a magia ao seu traço realista.

O resultado é sensual mas inocente, surpreendente mas clássico, mágico mas realista, disperso mas significativo. Com influências claras vindas do mundo da moda e da cultura pop, sua obra é extremamente atual, reflexo de uma geração cyber-global de poucas causas e muitas angústias. Assim, a massiva quantidade de informações absorvidas por nós diariamente são traduzidas em diversas referências pop, em desenhos de traços firmes e aquarelas dispersas, muitas tatuagens e cores vivas mescladas ao preto e branco do desenho.

Portfólio: esraroise.com

Portfólio: esraroise.com

Livros com Frete Grátis nas compras acima de R$ 39! - Submarino.com.br

O mundo místico das ilustrações de Natalie Shau

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 21/05/2010 by Bronx1985

Natalie Shau é uma designer gráfica lituana que agora trabalha e vive na Grécia. Em suas obras ela combina fotografia, tecnologia digital e modelagem 3D, criando estranhas, enigmáticas, coloridas e por vezes surreais e assustadoras obras que definitivamente cativam pela essência de apelo emocional. 

Shau vai buscar inspiração no imaginário religioso, suas ilustrações remetem a contos de fadas clássicos da literatura russa em face de Gogol e Dostoievski. Carregadas de sentimentos e mensagens indiretas, que por alguns até são interpretadas por subliminares.

Sua preferência é nítida por traços e ângulos femininos, porém os cenários de fundo, cores e até mesmo intenções são múltiplas, que por vezes transpõem o óbvio e despertam nos observadores os mais intensos sentimentos, estes que se confundem com uma ingenuidade erótica que é inerente ao traço de Shau.

Simplesmente show!!

Portfólio: natalieshau.carbonmade.com

Portfólio: natalieshau.carbonmade.com

Livros - Submarino.com.br