Arquivo para Africa

Mistérios do Serengeti, as Retratantes Fotografias de Marsel van Oosten

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 06/03/2013 by Bronx1985

O ecossistema Serengeti é uma região geográfica na África Oriental, no norte da Tanzânia e sudoeste do Quênia, cobrindo cerca de 30000 km2, o Serengeti, dentre outras curiosidades, abriga a maior migração animal de mamíferos do mundo. Idealizado como um incrível cenário para fotografias de paisagens naturais, foi justamente este rico país em belezas que o fotógrafo holandês (situado em Amsterdam) Marsel van Oosten  agora nos delicia com seu incrível mais recente foto ensaio.

Interessado em toda a majestosidade que a natureza apresenta-se em lugares de impar representatividade como o Serengeti, Marsel van Oosten  compõe imagens para lá de tocantes. São fotografias são tão intensas em cores e mensagens que chegam a tocar a sensibilidade até mesmo daqueles menos propensos a tal percepção.

Com um tão peculiar quanto diferenciado portfólio on-line disponível para apreciação em seu portal oficial junto do 1X, fato é que o holandês possui um talentoso e clínico olhar especializado na captação de imagens de paisagens naturais, visto que o mesmo encontra-se permanentemente em workshops de técnicas de fotografismo da natureza ou em excursões ao redor do mundo fotografando as belezas do nosso planeta.

Portfólio: 1x.com/ marselvanoosten 

Marsel van Oosten Photowork

Marsel van Oosten Photowork

Marsel van Oosten Photowork

Marsel van Oosten Photowork

Marsel van Oosten Photowork

Marsel van Oosten Photowork

Marsel van Oosten Photowork

Marsel van Oosten Photowork

Portfólio: 1x.com/ marselvanoosten 

Nosso Planeta que Inspira, as Incríveis Fotografias de Hougaard Malan

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 08/10/2012 by Bronx1985

Sul africano do Free State, o fotógrafo Hougaard Mallan possui como quintal de casa talvez as mais belas paisagens naturais encontradas em nosso planeta, ainda que a pobreza humana assole seu continente de origem, a África, em contra partida o mesmo é rico em paisagens e situações naturais que cativam até aos menos sensíveis se fotografadas com o talento e a dedicação de Hougaard Mallan.

Interessado no menos óbvio e sempre em busca das mais intensas cores, inusitados ângulos de captura das suas imagens, em momentos em que os elementos da natureza se combinam como se fossem pintado por um deus, para criar cenas tão representativas que se tem que ter o tempo para estar de volta em reverência e se maravilhar com a beleza do mundo em que vivemos.

Sua intenção é remover o espectador a partir de sua localização atual e transportá-lo para o local de captura da imagem, para que possa sentir o vento e ver a luz dourada do Sol poente em sua pele. Esse é o propósito de uma foto de paisagem, experimentar a beleza de um lugar sem estar lá e, de fato, o sul africano consegue o que se propõe a fazer, visto que mais que muitas palavras em que eu aqui me utilize para explicar o sentido das imagens do cara, uma sincera e inspirada observação do trabalho do mesmo acaba por dizer o que talvez eu nunca soubesse dizer.

Portfólio: hougaardmalan.com

Portfólio: hougaardmalan.com

Nelson Mandela, o Lutador pela Liberdade, Instalação de Marco Cianfanelli

Posted in ESCULTURAS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 20/09/2012 by Bronx1985

Interessado na Arte que rompe paradigmas e que orienta o sentido de complexidade do presente, o artista plástico sul africano de Johannesburg, Marco Cianfanelli ,de fato concretiza suas intenções, visto que o mesmo apresenta-nos (aqui no blog em destaque) sua incrível instalação/escultura em homenagem a um dos maiores ícones da cultura do continente africano e sua luta pela liberdade de seu povo, o icônico Nelson Mandela.

Com quase 10 metros de altura, 5 metros de largura e mais de 20 metros de extensão se somadas as placas utilizadas, a instalação Nelson Mandela de Marco Cianfanelli reproduz de modo tão fiel quanto contemporâneo a silhueta facial do herói citado, de modo que para todo o tempo o mesmo seja lembrado pelos seus feitos e que desta forma todos os habitantes do continente africano percebem a importância de lutarem por seus ideias, ainda mais quando estes forem destinados a um bem maior que visa o bem social de muitos outros espalhados por aí.

Envolvendo o mundo em termos de sistemas em vez de objetos discretos, fato é que a instalação de Cianfanelli rompe as barreiras do óbvio e ordinário e talvez represente sim de modo fiel a importância de Nelson Mandela para a África, visto que suas interessantes dimensões fazem jus ao tamanho da obra concretizada ao mártir negro sul africano.

Portfólio: marcocianfanelli.com

Portfólio: marcocianfanelli.com

Do Drama à Vida, a África em Preto e Branco, Fotografias de Nick Brandt

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 18/11/2011 by Bronx1985

Distintamente preocupado no retratar de uma África selvagem além daquela já comumente difundida em muitos portfólios de fotógrafos diversos, o inglês Nick Brandt é explícito ao dizer que suas intenções junto a este continente, considerado o berço da humanidade, são as de pronunciar em imagens todo o mistério e momento dramático existentes na retilínea paisagem, selvagens animais e curiosa vida humana local.

Partindo destes princípios poéticos, artísticos e aquém dos já difundidos gêneros documentários praticados, as diferenças do trabalho do inglês para todos os demais já feitos deste continente vão além, Nick Brandt não se utiliza do zoom de sua câmera e também não faz uso de lentes telephoto, fato que o obriga a ficar muito próximo dos selvagens animais a serem fotografados, às vezes poucos metros, e que também o permite capturar toda a abrangência e plenitude da paisagem ao redor, além de suas fotografias serem feitas sempre em preto e branco, o que enaltece os detalhes nas imagens e agrega valor à essência poética proposta.

Com ótimas críticas feitas ao seu trabalho por parte de revistas e periódicos em fotografias, Nick Brandt é genial por agregar o inusitado ao já belo por natureza, seu talento para com uma câmera fotográfica só não é maior que o seu expressivo respeito pela natureza, visto que é a junção de tais características que fazem do inglês um verdadeiro e completo artista fotógrafo.

Portfólio: nickbrandt.com

Portfólio: nickbrandt.com

Violência Vermelha, as Marcantes Fotografias de Richard Mosse

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 17/11/2011 by Bronx1985

Inerente ao ser humano e presente em toda a sua história, a violência é produto das relações sociais e marca para dividir opiniões, crenças religiosas e qualquer outra forma de expressão mundana promovida pelo dinheiro e com fins ao mesmo. Dentro deste contexto de guerras e sangue, o fotógrafo inglês Richard Mosse apresenta-nos seu marcante foto ensaio originalmente intitulado “Infra”, com imagens feitas em Kivu do Norte, região da dita Republica Democrática do Congo, continente africano.

Por si só as imagens transparecem a tensão armada que a região vive, de modo que se observa crianças desde cedo sendo alistadas e juntando-se à rebeldes nesta dita guerra social onde crimes como estupros, assassinatos, saques e destruição da casas e propriedades predominam.

Explicitamente manipuladas em Photoshop a fim de realce da cor vermelho, é intenção nítida do fotógrafo inglês o destaque desta cor que representa o sangue daqueles que perderam ou ainda perderão suas vidas nestes confrontos armados. Sentimentos como o de discórdia, injustiça e desrespeito ao ser humano são trazidos a tona através de uma contemplação mais sincera do trabalho fotográfico de Richard Mosse, visto que suas imagens encontram-se em destaque pelas mais distantes galerias espalhadas pela Europa, América do Norte e até mesmo alguns países do Oriente, ainda que este confronto armado não seja assim destaque em mídias televisivas e impressos jornalísticos.

Portfólio: richardmosse.com

Portfólio: richardmosse.com

A Incrível Street Art de Chip Thomas

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 04/07/2011 by Bronx1985

Dinâmica por representação, crítica por essência e criativa por emprego, assim caracteriza-se a street art do artista plástico, fotógrafo e médico norte americano Chip Thomas, que agora reside e propaga suas colagens em Navajo, no continente africano.

Através da técnica de colagem estilo wheatpaste, Chip Thomas recria e difundi suas próprias fotografias nas paredes e muros dos mais inusitados e diferentes lugares, tudo em ordem para desta forma criar junto ao ambiente uma crítica bem humorada e, por vezes, colorida acerca das pretensões do artista norte americano sobre racismo e demais desigualdades sociais.

Em viagem ao Brasil em 2004 e posteriormente em 2009, Chip Thomas se confessa como um verdadeiro entusiasta da cultura brasileira, esta que exerceu forte influência em sua arte como um todo, dados todos as aspectos que a sociedade e cultura brasileiras possuem em consonância com algumas nações da África em relações a ritmos musicais, paradigmas vigentes e até mesmo desigualdades diversas.

Portfólio: chipthomasphotography.com

speakingloudandsayingnothing.blogspot.com

Portfólio: chipthomasphotography.com

speakingloudandsayingnothing.blogspot.com

As Guerras dos Homens sob as Lentes de Robert Capa

Posted in FOTO ENSAIOS with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 16/05/2011 by Bronx1985

Robert Capa, cujo nome verdadeiro era Endre Ernő Friedmann nasceu em Budapeste no dia 22 de Outubro de 1913, sendo encontrado morto em Thai-Binh, Vietnã, em 25 de Maio de 1954, foi um cidadão húngaro e um dos mais célebres fotógrafos de guerra, Capa cobriu os mais importantes conflitos da primeira metade do século XX: a Guerra Civil Espanhola, a Segunda Guerra Sino-Japonesa, a Segunda Guerra Mundial na Europa (em Londres, na Itália, a Batalha da Normandia em Omaha Beach, e a liberação de Paris), no Norte da África, a Guerra árabe-israelense de 1948 e a Primeira Guerra da Indochina.

Suas fotografias, muito mais do simples registros de guerras, tinham a capacidade ímpar de levar aos observadores muito mais do que se destinavam a representar, Capa se tornou famoso pelos sentimentos que suas fotos possuíam, o húngaro possuía um talento sem precedentes para a captura de emoções humanas em tempos de desgraça e mortes infindáveis.

Em Junho de 1944 participa no desembarque da Normandia, o Dia D. Depois da guerra, com David Seymour, Henri Cartier-Bresson e George Rodger, funda a Agência Magnun (constituída oficialmente em 1947). Nos primeiros tempos, ocupa-se na organização da estrutura, partindo em seguida para o “terreno”.

Capa morreu na Guerra da Indochina, em 25 de maio de 1954, ao pisar sobre uma mina terrestre. Seu corpo foi encontrado com as pernas dilaceradas. A câmera permanecia entre suas mãos.

Agência Magnun

Agência Magnun