A padaria de corpos de Kittiwat Unarrom

Quando vi pela 1ª vez o trabalho do tailandês Kittiwat Unarrom, pensei tratar-se de alguma pegadinha ou brincadeira de mal gosto. Após algumas pesquisas, descobri nele uma verdadeira obra de mestre, tanto em inovadorismo quanto em criatividade.

Kittiwat Unarrom é um jovem padeiro tailandês que, através de uma minuciosa técnica de moldagem e uso de corantes comestíveis, transforma a massa de uma pão comum em uma fiel reprodução de uma parte de corpo humano, parte esta tão delicadamente e detalhadamente reproduzida que chega a assustar e provocar náuseas nos mais despercebidos que entram em sua padaria pensando ser aquele lugar um estabelecimento comum.

 Seus pães possuem as formas e tamanhos em escalas reais aos originais primeiramente feitos à imagem e semelhança, visto que Unarrom afirma nunca ter visto algum exemplo original para então iniciar sua cópia, e que seus pães saem unicamente de moldes criados na sua imaginação.

 Já vi muito tipo de arte, mas admito, algo como o trabalho desse rapaz é tão digno de contemplação quanto de experimentação, dado o fato das suas obras de arte serem comestíveis. E para quem ainda achar que isto é uma pegadinha ou brincadeira de mal gosto, como eu achei no começo, segue abaixo um vídeo comprovando os fatos!

 mais sobre a padaria em: google.com/kittiwatunarrom

  mais sobre a padaria em: google.com/kittiwatunarrom

8 Respostas to “A padaria de corpos de Kittiwat Unarrom”

  1. nossa , que top . eu comeria numa boa . mesmo sabendo que sao apenas pães , a ideia de que possa ter um gosto diferente nao me sai da cabeça . Mas seria muito legal & agradável ter um desses em casa para pôr a mesa . rs

    • concordo contigo Lidia, com certeza o imaginário humano acabo por criar, ou esperar, um gosto diferente dos feitos de Kittiwat, ainda que saibamos tratar-se de pães “comuns”.

  2. […] Kittiwat Unarrom é um jovem padeiro tailandês, que através da rigorosa moldagem da massa e com a ajuda de corantes, transforma o que poderia ser um pão comum numa fiel reprodução de várias partes do corpo humano. Esta reprodução é tão bem feita que chega a causa um pouco de impressão, e mesmo náuseas às pessoas mais sensíveis. Chega até a fazer com que nos questionemos se seriamos capazes de comer este pão ou não, dado que é apenas massa e corante. As suas reprodução são feitas em escalas reais, e o jovem tailandês afirma que os moldes são feitos da sua imaginação dado que nunca viu nenhum exemplo original. […]

  3. rs Essa arte eh mto boa, jah recebi um email com essas fotinhas, mas será q as pessoas compram? eu compraria só pra saber qual eh o gosto de uma cabeça…rsrs

    • acredito que o gosto seja de pão, visto que os mesmos são justamente isso hehehe

      mas confesso-lhe que o que o cara faz é tão genial e tão longe de se parecer com pães que da a impressão de o gosto também ser de algo totalmetne diferente de gosto de pão rsrsrs

      bJUS jENNY

  4. Uuugn!!!
    Não compro mesmo…aaargh!

Deixe uma resposta para A padaria de corpos de Kittiwat Unarrom | Magnus Mundi Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s